mj

mj

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

PM APREENDE MACONHA E ARMAS; ACUSADOS DE TRÁFICO FORAM PRESOS, ENTRE ELES, UMA MULHER

Policiais militares do 2ºBPM prenderam, na tarde e noite  desta segunda-feira (07/01) em Campina Grande, dois  homens e uma mulher acusados de tráfico de droga nos bairros Tambor, Ramadinha "2" e Bodocongó "3".
Um adolescente também foi apreendido.
("Material" encontrado com mulher e adolescente na Ramadinha II)
Na Ramadinha "2", uma mulher foi detida pela Rádio Patrulha com um revólver calibre 32, dinheiro, balança de precisão, maconha e pedras de crack.
Ela estava na companhia de um adolescente que foi conduzindo para a Central de Polícia.

CANO DE ESPINGARDA “ESTOURA” E ADOLESCENTE EMBRIAGADO PERDE PARTE DA MÃO ESQUERDA

 
Um adolescente de 17 anos, com sintomas de embriaguez, se feriu quando manuseava uma espingarda de “fabricação caseira”.
O acidente aconteceu no bairro Catolé, em Esperança, agreste do estado.
Testemunhas informaram aos PMs que o menor, “visivelmente embriagado”, havia se ferido quando disparou e saiu correndo em busca de socorro.
Durante o disparo o cano ficou obstruído por objetos como parafusos e pregos que foram colocados por ele.
A base do cano estourou e dilacerou parte da mão do adolescente.
“Ele saiu correndo no meio da rua com a mão sangrando”, disse um morador.
A vítima foi atendida no Hospital Municipal de Esperança e em seguida, transferida para o Trauma em Campina Grande.


COM DOIS REVÓLVERES: MENOR É APREENDIDO PELA QUARTA VEZ. A IRMÃ DELE TAMBÉM FOI APREENDIDA

Policias militares do 10ºBPM, aprenderam na noite desta segunda-feira (06/01), na Rua João Mendes em Esperança, agreste paraibano, dois irmãos adolescentes portando dois revólveres calibres “38” e “32”.
Ela tem 17 anos e ele 15.
Uma guarnição (soldados Fontes, Sodré e Adjamil) realizava rondas e percebeu “um menino e uma menina”, na rua, por volta das 23h30.
Ao se aproximar da dupla, os PMs perceberam o “garoto” repassando algo para a irmã.
Quando ocorreu a abordagem, encontraram as armas e munições em poder da adolescente.

PAI TENTA BATER NO FILHO ADOLESCENTE APÓS SABER QUE ELE É ASSALTANTE

Nem todos os pais “passam a mão na cabeça” de um filho adolescente envolvido com crimes.
O exemplo veio do bairro Jardim Continental na zona norte de Campina Grande, na noite desta segunda-feira (06/01), quando um pai tentou bater no filho de 15 anos, após saber que ele havia praticado um assalto à mão armada no bairro Prata na companhia de outro adolescente de 14.
O infrator só não foi “punido severamente” por causa da intervenção da policia.