terça-feira, 4 de março de 2014

HOMEM É PRESO ACUSADO DE TENTAR ESTUPRAR MENINA DE 11 ANOS

 
A menina “C.K.D.S.”, de 11 anos, foi vítima de abuso sexual.
O acusado é um homem que acabou preso.
O crime de estupro aconteceu nas imediações do conjunto Major Veneziano, em Campina Grande, por volta das 22h00 do domingo (02/03).
A menina relatou que "passou o dia inteiro" no bairro Cidades, na casa de amigos onde estava sendo realizada uma festa.
Quando ela saiu para a casa dos pais, um homem que também estava na farra, ofereceu-lhe uma carona em uma motocicleta e ela aceitou.
Nas imediações do Conjunto ele teria tentado estuprar a menina que conseguiu fugir.
Ele estava armado.
O homem foi preso.
Detalhe: uma menina, 11 anos, “festa”, 22h00, sozinha, carona...


PAI TENTA MATAR FILHO COM TIRO DE REVÓLVER

 
José Sebastião Januário, 34 anos está internado no Hospital de Trauma em Campina Grande vítima de um tiro no abdome.
A tentativa de homicídio aconteceu por voltadas 21h00 da segunda-feira (03/03) dentro do “bar do guiné” no sítio Lagoa, em Santo André, cariri paraibano.
O acusado é o pai dele José Manoel Januário, 70 anos, comerciante, que encontra-se foragido.
Segundo relatório da polícia Militar, pai e filho se desentenderam, houve briga e Manoel sacou a arma e disparou.
Foram dois tiros, mas só um atingiu Sebastião.


BANDIDOS REALIZAM ARRASTÃO EM BAR: 15 CLIENTES FORAM VÍTIMAS

Quatro bandidos armados assaltaram o “Bar da Índia” no sítio Antas, em Puxinanã, região metropolitana de Campina Grande.
O crime aconteceu na noite desta segunda-feira (03/03), por volta das 22h00.
Aproximadamente 15 clientes foram assaltados, além da proprietária.
Os bandidos também levaram uma motocicleta Honda CG 125 FAN de cor preta e placa MOO 7636.


LAGOA SECA VIOLENTA: TRÊS HOMICÍDIOS EM TRÊS DIAS

 
A cidade de Lagoa Seca, região metropolitana de Campina Grande,  registrou o terceiro homicídio em três dias.
A vítima foi o agricultor Vagner Pereira Cavalcante, de 23 anos, morto com cinco tiros de revólver no tórax e ombro.
O crime aconteceu por volta das 12h30 do domingo (02/03) na comunidade “Anacleto”.
Vagner morava no sítio Lagoa do Gravatá.

O autor do homicídio ainda não foi identificado.

NA RUA DA MORTE: HOMEM É ASSASSINADO A TIROS POR SE NEGAR A DAR CACHAÇA

 
Elias Pereira de Amorim, 35 anos, foi assassinado na “Rua da Morte”, bairro Glória, em Campina Grande, com dois tiros de revólver na cabeça.
O crime aconteceu às 20h00 do domingo (02/03), a mulher dele, Josefa Celemar Camelo, de 33, saiu ferida com um tiro no braço.
Ela contou que o crime foi cometido por “Júnior e Prear”.
Elias e a mulher bebiam em casa quando os acusados chegaram pedindo “uma dose de cachaça”.
A vítima fatal teria negado.
A dupla saiu e retornou armada.
Os acusados ainda não foram presos.
Este ano em Campina Grande 33 homicídios.


JOVEM É MORTO PELA POLÍCIA MILITAR EM SÃO JOSÉ DA MATA

 
Isaú Oliveira Ângelo, 24 anos, foi assassinado com um tiro no abdome na noite do domingo (02/03), em São José da Mata, distrito de Campina Grande.
O crime foi cometido por um policial militar.
A polícia recebeu informações de que “alguém” estava disparando em via pública.
Ao tentar fazer a abordagem, Isaú teria feito “menção” de atirar na guarnição, o policial não teve alternativa senão disparar.
A vítima foi socorrida para o Trauma, mas não resistiu.


EM CAMPINA GRANDE: PASTOR É PRESO ACUSADO DE ESTUPRAR A FILHA DE DOIS ANOS

 
O "pastor" Jonathan Amorim Cincinato da Silva, 24 anos, foi preso neste domingo (02/03), mediante Mandado Judicial acusado de estuprar a própria filha de dois anos de idade.
O crime aconteceu no dia 16 de fevereiro, como divulgado  em renatodiniz.com.
A solicitação da prisão partiu das delegadas da Infância Alba Tania e Ana Alexandrino, após ser confirmada por perícia técnica a presença de sêmen na região anal da criança.
Segundo Alba Tania, após ser registrado Boletim de Ocorrência no dia 16 de fevereiro, a Policia Civil iniciou investigação a fim de elucidar o fato.
Testemunhas foram ouvidas, e a vítima foi submetida a exame sexológico.
Detalhe: a foto e nome do acusado NÃO FORAM REPASSADOS pela polícia.
ENTENDA O CASO
No domingo (16/02), às 12h00, a Polícia Militar em Campina Grande foi solicitada para averiguar uma denúncia de que, no bairro Bela Vista, uma bebê de dois anos teria sido violentada pelo pai.