terça-feira, 27 de maio de 2014

IMAGENS DO ASSASSINO DO COMERCIÁRIO; CASAL COMETEU O CRIME

VEJA AS IMAGENS

A polícia civil forneceu as imagens das câmeras da lotérica que flagram a ação do homem que matou um comerciário de 64 anos, no final da tarde desta segunda-feira (26/05).
O crime está sendo investigado pela delegacia de Roubos e Furtos.
As imagens mostram um casal se aproximando da casa lotérica.
O homem está de camisa rosa, boné, calça jeans e de tênis verde.
A mulher usa blusa preta.
Em uma das imagens o acusado fala ao telefone, depois o entrega a mulher e entra na lotérica.

video

PM PRENDE EM MENOS DE "QUATRO HORAS" ACUSADOS DE INVADIR CASA DE AUDITOR FISCAL


Em menos de quatro horas a polícia militar prendeu quatro homens acusados de invadir e assaltar a casa de um auditor fiscal, de 52 anos, no Jardim Tavares, em Campina Grande.

O crime aconteceu às 21h00 desta segunda-feira (26/05) no momento em que ele chegava à residência na Rua José Alves Sobrinho.

A vítima contou que foi trancada em um dos cômodos junto com familiares.
Foram roubados TVs, celulares, câmeras digitais, roupas, tênis, outros objetos, além de dinheiro.

Alguns celulares tinham rastreadores, o que facilitou a captura dos acusados.
Samuel Alves de Sousa, Carlos André dos Santos e os irmãos Marcone Islan da Silva Sarmento e Igor Bernardo da Silva Sarmento foram presos no bairro José Pinheiro, na madrugada desta terça-feira (27) por volta de 01h00.

Todos moram no bairro Santo Antônio.
Com eles a polícia também encontrou um revólver e uma pequena quantidade de maconha.

*A guarnição do sargento Lino, cabo Neto e soldado Gaudino  realizou a prisão do quarteto.


ESCOLA MUNICIPAL ARROMBADA EM CAMPINA: LADRÕES LEVAM 21 COMPUTADORES; PREJUÍZO É DE 45 MIL REAIS

(Sala de informática: só restaram as bancadas)
Durante o final de semana, ladrões entraram pelos fundos da escola municipal José Guilhermino Barbosa no bairro Velame, em Campina Grande, arrebentaram os ferrolhos de uma grande que protegia a sala de informática e arrombaram a porta.

Todo material que havia no interior foi furtado causando um prejuízo de aproximadamente “45.000 reais”, de acordo com a diretora Socorro Henrique.
Os arrombadores levaram 21 computadores, 15 estabilizadores, 01 roteador, 02 caixas amplificadas, 04 microfones, 01 teclado musical, 01 impressora, 01 mesa de som, entre outros.
Só as bancadas ficaram na sala.
A estrutura de informática foi montada havia seis meses e estava beneficiando 250 alunos.

O estabelecimento não tem vigilância durante a noite, madrugada, feriados e nem nos finais de semana.
A diretora lamenta tudo, pois para conseguir remontar tudo demanda tempo e dinheiro, além disso, a burocracia é o principal empecilho.