mj

mj

segunda-feira, 7 de julho de 2014

ASSALTOU POLICIAL E ACABOU MORTO; CORPO DE MULHER É ENCONTRADO EM GALPÃO ABANDONADO. PC PRENDE ACUSADO DE MATAR TORCEDOR

  
Anderson Rodrigo dos Santos Domingos, de 16 anos, que morava no sítio Luna, em Queimadas, morreu vítima de vários tiros, após assaltar um policial militar que reagiu.
Os disparos atingiram a cabeça e as costas de Anderson.
Ao lado do corpo dele foram encontrados o celular e a carteira do policial militar além de outros objetos, possíveis frutos de roubo e furto.
O caso ocorreu por volta das 04h20, desta segunda-feira (07/07), na saída do Parque do Povo, na esquina das ruas Sebastião Donato e 13 de maio.
A mãe do adolescente disse que o filho já havia sido detido por roubo de moto e sempre estava acompanhado de “amigos” saindo para vários lugares.
Já no sábado (05), por volta das 11h30, em um galpão abandonado, na Rua João Maurício de Menezes, no bairro Monte Santo, o corpo de uma mulher foi encontrado esquartejado e carbonizado.
Até a tarde desta segunda-feira, o corpo permanecia sem identificação no NUMOL, em Campina Grande.
Ainda no sábado, policiais da Delegacia de Homicídios, comandados pelo delegado Francisco de Assis Silva, cumpriram um Mandado Judicial e prenderam Melquezedeque  de Normando Rocha.
Ele é acusado da morte do torcedor Marcílio dos Santos Silva.
O rapaz foi morto a tiros na Rua do Juá, no bairro Tambor, em Campina Grande no dia 03 de março do ano passado.
De acordo com o delegado, o crime aconteceu após um jogo entre Treze e Campinense no estádio “O Amigão”.

TRAGÉDIA NA BR: JOVEM DE 18 ANOS MORRE EM ACIDENTE

 
Carla Letícia Moreno de Maria, 18 anos, que morava no Sítio Manguape de São Sebastião de Lagoa de Roça, no Agreste paraibano, morreu vítima de acidente na BR 230, próximo a rodovia de acesso ao distrito de Galante.
A tragédia aconteceu na tarde deste domingo (06/07).
A jovem almoçou com os pais, irmãos, e o namorado, Aírton Cardoso.
Em seguida, ela e o namorado, se dirigiram de moto para João Pessoa.
Na BR a moto colidiu com um carro em alta velocidade.
Não se sabe o que realmente aconteceu.
Carla morreu na hora.
Aírton encontra-se internado no Trauma em Campina Grande, em estado grave.
(Fonte: lagoaderoçaemfoco)