quinta-feira, 28 de agosto de 2014

HOMEM ESFAQUEOU PRÓPRIA MULHER E DEPOIS “TENTOU SUICÍDIO”

 
Adriano Nascimento dos Santos, de 39 anos, foi preso por policiais do 10ºBPM, na manhã desta quinta-feira (28/08), após esfaquear e tentar matar a própria mulher, Josefa Matias dos Santos, de 43.
Ele usou uma Tramontina de “oito polegadas”.
Os golpes foram aplicados no peito e no pescoço.
O crime aconteceu na cidade de Esperança, no Agreste.
Josefa foi socorrida, pelo SAMU, para o Trauma em Campina Grande.
Adriano, depois que fez a “besteira”, usou a faca que agrediu a companheira e desferiu um “golpe” superficial no pescoço.
Os policiais saíram em diligências e o localizaram na Unidade de Saúde da Bela Vista, quando era medicado.

O golpe de faca foi tão superficial que sequer ele precisou tomar um “comprimido” para dor.
Resultado: Josefa está no hospital e Adriano na Cadeia Pública de Esperança.
Isso aconteceu por causa de ciúme o acusado vai responder por tentativa de homicídio.

POLÍCIA APREENDE ADOLESCENTES QUE ASSALTARAM A ROTA DO MAR, ELES CONFESSARAM O CRIME E ESTÃO NO LAR DO GAROTO


Policias militares do 2ºBPM apreenderam os dois adolescentes de 15 e 17 anos, que assaltaram a Loja “Rota do Mar”.
Eles moram em Bodocongó, Campina Grande.
O crime aconteceu nesta quarta-feira (27/08), às 15h00, e pouco tempo depois os PMs localizaram a moto usada para a fuga.
A polícia continuou as diligências e na área central encontrou os menores “M.B.S.” e “G.S.S.”.
A arma do crime não foi localizada.

A dupla confessou o crime sem nenhuma cerimônia e “G.S.S.” confirmou que foi ele quem, no dia de 16 de junho, tentou roubar a arma de um vigilante em um prédio da Rua Maciel Pinheiro, no Centro e ainda atirou no segurança.
Nesta quinta-feira (28), os dois foram ouvidos na Vara da Infância e encaminhados para o Lar do Garoto em Lagoa Seca, na grande Campina.
O ASSALTO A ROTA DO MAR

COVARDIA: CASAL É ESPANCADO E ASSALTADO; UMA DAS VÍTIMAS TEM 88 ANOS

 
Um crime covarde aconteceu na noite desta quarta-feira (27/08) na cidade de Soledade, no Agreste.
O Comerciante Pedro Nunes Medeiros, de 88 anos, e a mulher dele  Josefa Firmino de Farias, de 61, foram espancados e assaltados por dois bandidos.
O crime aconteceu na Rua Francisco Nóbrega Santos, no Centro.
Os ladrões chegaram à residência do casal em um veículo Fiat de cor preta, anunciaram o assalto e levaram “1.000,00 reais”.
Não satisfeitos, os bandidos espancaram bastante “seu” Pedro Nunes e dona Josefa.
Ela, inclusive, sofreu um corte em uma das mãos.
O casal foi socorrido para o Hospital de Soledade.
Os ladrões não foram localizados.

ALBERGADO É ASSASSINADO QUANDO DEIXAVA A CASA ALBERGUE NO MONTE SANTO

 
O albergado Wellington Nascimento Cruz, de 24 anos, foi morto quando deixava a casa Albergue no Monte Santo, em Campina Grande, por volta das 05h00 desta quinta-feira (28/08).
Ele estava subindo em uma moto.
Surgiram dois homens, se aproximaram e atiram por pelos menos sete vezes.
Ele morreu no local com um capacete na cabeça.

O Delegado Antônio Lopes, da Delegacia de Homicídios em Campina Grane, disse que outros albergados devem ter visto os assassinos.
Wellington Nascimento Cruz estava na casa Albergue desde o dia 12 de agosto.
Ele foi preso no ano passado por assalto.
Em maio do mesmo ano começou a cumprir pena no Presidio Regional do Serrotão.

SUSPEITO DE MATAR O PAI É PRESO; CRIME FOI MOTIVADO POR HERANÇA. VÍTIMA ERA EX-PREFEITO

 
Francisco Raimundo Sales, de 40 anos, suspeito de matar o próprio pai, o ex-prefeito da cidade de Nova Olinda, João Raimundo Neto, foi preso pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (27/08), no município de Itaporanga.
Ele é suspeito de ter ocasionado intencionalmente o acidente que matou o próprio pai por causa da herança.
O crime ocorreu segunda-feira (25).
Ao ser preso, Segundo o delegado Cristiano Santana, o acusado não assumiu o crime e disse que só falaria em juízo.
“As informações repassadas no inquérito deixam claro que o filho queria um adiantamento da herança, que o pai se negava a dar. Eles travaram várias discussões, sempre por esse mesmo motivo”.
Francisco Raimundo Sales foi levado para a cadeia pública do município de Santana dos Garrotes.
Ele deve responder por homicídio qualificado e tentativa de homicídio.
("Seu" João: morto pelo filho)