Menu

quinta-feira, 30 de abril de 2015

COMETE SUICÍDIO ACUSADO DE ESFAQUEAR E QUEIMAR VIVO COLEGA DE TRABALHO

(Henrique: suicídio na Bahia, segundo site)
Henrique Macena Marques, acusado de matar o jovem Roberto Santos Pereira em Cajazeiras, no Sertão, cometeu suicídio nesta quinta-feira (30/04) na casa de um tio, no estado da Bahia.
A informação é do site diariodosertao.
De acordo com a advogada de defesa, Catharine Rolim, Henrique morreu por meio de enforcamento e o traslado do corpo está sendo providenciado.
Em contato com a reportagem diariodosertao a advogada pediu a todos que respeitem o momento de dor da família.
“Os familiares sofrem duas vezes. Sofrem pelo que Henrique fez em Cajazeiras e agora pela perda de um filho por suicídio”, disse ela.
O CRIME
Henrique de Amâncio acusado de matar Roberto, de 32 anos, chegou a se apresentar à polícia acompanhado de sua advogada  no dia 06 de abril.
Os dois bebiam.
A vítima foi morta no sábado, dia 04, com oito golpes de faca e ainda viva teve o corpo queimado com gasolina dentro da própria casa na Rua São Sebastião, em Cajazeiras.
Segundo a polícia, Henrique confessou o crime e afirmou que matou em legítima defesa.
Ele disse que Roberto o perseguia no trabalho todos os dias e que, não suportando, cometeu o crime.
Acrescentou também que queimou Roberto por acidente depois de esfaqueá-lo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário