Menu

quinta-feira, 2 de abril de 2015

TROTE: HOMEM CHEGA A LIGAR QUASE 2.500 VEZES EM APENAS 24 HORAS PARA O SAMU; BRINCADEIRA DE MAU GOSTO ACONTECE DURANTE O ANO INTEIRO. POLÍCIA E CORPO DE BOMBEIROS TAMBÉM SÃO ATINGIDOS

No CIOP (Centro Integrado de Operações Policiais), Corpo de Bombeiros e SAMU as ligações não param.
O problema é que muitas dessas chamadas são trotes.
Em 2014 foram 380 mil chamadas registradas para o número 190 da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, mas boa parte foi de pessoas passando trotes.
O problema também é enfrentado pelo SAMU de Campina Grande.
A maioria das vezes quem está do outro lado da linha é crianças. As atendentes tentam identificar quando se trata de uma brincadeira de mau gosto ou se o chamado é realmente verdade.

Ligar para o SAMU ou polícia sem necessidade é considerado crime com pena que varia de 1 a 6 meses de detenção, além de multa de 100 reais por cada ligação.
Uma brincadeira que traz muitos prejuízos que vão além do deslocamento das viaturas.
No ano passado, um homem chegou a ligar 2.489 vezes em apenas 24 horas.
No SAMU são cerca de 470 mil ligações recebidas por ano e quase metade é trote.
De acordo com o coordenador do órgão, esse número vem diminuindo graças ao projeto SAMU na escola, que começou em agosto do ano passado.

No mês de março deste ano a redução foi de quase 50% em relação ao mesmo período do ano passado.
Em março de 2014 foram 15 mil trotes, contra 6 mil em março deste ano.
O coordenador geral do SAMU de Campina Grande, Carlos Alberto Figueiredo Filho, acredita que essa redução acontece depois do trabalho de conscientização dos alunos nas escolas.
(Cláudia Gomes/TV Borborema)  

Nenhum comentário:

Postar um comentário