Menu

quarta-feira, 13 de maio de 2015

ACUSADO DE LATROCÍNIO É ENCONTRADO MORTO DENTRO DE PRESÍDIO

No final da tarde desta terça-feira (12/05) Pedro Igor Tito Silva, de 20 anos, foi encontrado enforcado no “isolado 11” da Penitenciária Padrão de Campina Grande.
Ele era acusado de latrocínio, roubo e formação de quadrilha (associação criminosa).
Pedro foi preso em julho de 2014 numa operação policial comandada pelo delegado Damião Marçal acusado de fazer parte de um grupo acusado de vários homicídios em Areial, Montadas, Esperança, Pocinhos, Puxinanã e Campina Grande.
Na época foram presos mais cinco acusados, mediante um Mandado Judicial da Comarca de Pocinhos, no Agreste.
Uma das vítimas do grupo foi ex-presidiário Gerlândio dos Santos Oliveira, o “Neguinho”, de 20 anos, morto com um tiro de espingarda calibre “12” na cabeça e um tiro de revólver no abdome.
O crime aconteceu dentro de uma casa no sítio Mares Pretos, em Pocinhos em dezembro de 2013.
A polícia não tem dúvidas de que Pedro cometeu suicídio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário