Menu

quinta-feira, 14 de maio de 2015

BALANÇO DO TUMULTO NO SERROTÃO: 22 APENADOS TRANSFERIDOS PARA JOÃO PESSOA; CÚPULA DA SEGURANÇA SE REUNIU EM CAMPINA. SECRETÁRIO DIZ QUE A CIDADE É UMA DAS MAIS SEGURAS

(Gilberto, Euller, Cláudio, Dorta e Luciano)
Durante entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (14/05) no 2ºBPM, em Campina Grande, a cúpula da segurança pública da Paraíba, fez questão de tranquilizar os campinenses, diante dos casos ocorridos (ontem quarta-feira, 13).
A morte de um preso na Penitenciária do Serrotão na terça-feira (12) causou o cancelamento das visitas e provocou uma rebelião na unidade.
À tarde, um ônibus foi incendiado no Pedregal e a ordem para o crime pode ter partido de dentro do Serrotão como forma de represália.
O secretário de Segurança e Defesa Social, Cláudio Lima, disse que pessoas irresponsáveis aproveitaram a situação para plantar o pânico e o medo nas redes sociais.
Ele garantiu que Campina Grande é uma cidade segura.
“Campina Grande é uma das mais seguras desse estado e do Nordeste”.
Já Euller Chaves, comandante Geral da Polícia Militar, foi mais enfático e condenou veementemente a propagação, nas redes sociais de situações inverídicas vivividas por Campina Grande nesta quarta-feira.
Ele alertou que pessoas quiseram tirar proveito político do caso e agiram de má fé com o povo da cidade.
Euller e Cláudio garantiram mais policiamento nas ruas da cidade.
Por outro lado, o secretário da Administração Penitenciária, Wanger Dorta, informou que 22 presos foram transferidos do Serrotão para unidades de João Pessoa na madrugada desta quinta-feira, após lideraram a rebelião de ontem.
Os nomes não foram divulgados.
Eles eram conhecidos como lideranças dentro da Penitenciária.
Wagner Dorta garantiu a situação no Serrotão está controlada.

Um comentário:

  1. Tão tranquila que pra uma simples coletiva, ele vem municiado de policiais com armamento pesado pra lhes garantir a segurança. Ai eu pergunto, pra que? Campina num é tranquila.
    Cinismo é gentileza, isso sim

    ResponderExcluir