Menu

sexta-feira, 29 de maio de 2015

POLÍCIA PRENDE ENVOLVIDO NA MORTE DE PROFESSOR EM CAMPINA GRANDE E IDENTIFICA OUTROS ACUSADOS

(Jailton Carolino)
Agentes da Delegacia de Homicídios em Campina Grande, comandados pelo delegado Francisco de Assis Silva, prenderam nesta quinta-feira (28/05) Jailton Carolino dos Santos, de 29 anos.
Ele foi preso quando estava trabalhando em um mercadinho no bairro Cinza.
Jailton é um dos acusados da morte do professor Eraldo Cesar de Araújo, de 48 anos, assassinado a tiros dentro da escola estadual Major Veneziano, no bairro da Catingueira.
O crime aconteceu no dia 12 de maio.
Jailton deu fuga ao assassino.
De acordo com as investigações o professor foi confundido com o albergado Josuélio dos Santos que prestava serviços na escola e era o alvo dos criminosos.
“O criminoso recebeu a missão de matar o albergado que trabalhava prestando serviços na escola. No dia do crime o professor e o albergado usavam roupas idênticas. O que se sabe é que o assassino confundiu o professor com Josuélio, que seria a vítima de fato”.
Outros três suspeitos do crime continuam foragidos.
(Eraldo: morto por engano)
Alisson Soares dos Santos, de 19 anos, conhecido como Deda e dois adolescentes de 16 anos.
De acordo com o delegado, Jailton Carolino dos Santos também é acusado de participar da morte do travesti Daniel de Oliveira Felipe, de 24 anos, que ocorreu na Rua João Pessoa em 2011.
O crime teve repercussão nacional.
O travesti foi assassinado com mais de 30 facadas e Jailton deu suporte durante o crime.
(Cláudia Gomes/TVBorborema)

Nenhum comentário:

Postar um comentário