Menu

quarta-feira, 17 de junho de 2015

DELEGADA TATIANA BARROS INVESTIGA A MORTE DE EX-PRESIDIÁRIO DECAPITADO EM CAMPINA GRANDE

(Tatiana Barros: delegada de Homicídios/CG)
A delegada Tatiana Barros disse que o crime de foi vítima o ex-presidiário José Neygston Silvino Costa, de 31 anos, não ficará impune.
“Como em todos os outros homicídios que investigamos, sem distinção, temos o dever de encontrar os culpados e a justiça, de puni-los. Estamos colhendo informações para esclarecer os motivos do crime”.
Ele foi encontrado decapitado dentro de um canal no Bairro Pedregal, em Campina Grande, por volta das 12h40 desta terça-feira (16/06).
A policial informou na Patrulha da Cidade/TV Borborema que “Ney” “havia perdido o contato com a família por volta das 21h00 do dia 15 (segunda-feira), então de acordo com a perícia José Neygston pode ter sido morto pela madrugada da terça-feira (17). Nós estamos trabalhando com as informações prestadas pela família, com o histórico da vítima e com o que foi levantado pela perícia”.
Tatiana Barros também analisou uma fotografia que circulou na internet logo após o corpo do ex-presidiário ser encontrado.
A fotografia mostra um homem usando máscara, segurando a cabeça de outro homem e cortando o pescoço dele.
“Analisando a imagem fotográfica que foi divulgada, a gente percebe que se trata da mesma pessoa em virtude de a vítima da foto estar usando a mesma vestimenta do corpo encontrado no canal, além de outras características observadas”.
Ainda sobre a divulgação da foto, por parte dos assassinos, a delegada foi taxativa: “Na realidade este tipo de postura é para comprovar, aos demais parceiros de gangue, o que ele foi capaz de fazer. Só que isso não vai ficar impune. Esse tipo de atitude tem que ser coibida, independente da situação social, das condições financeira da vítima e histórico pregresso dela. A gente sabe que aquilo (da foto) foi feito para mostrar aos outros membros da gangue do que ele é capaz”.
José Neygston foi colocado em liberdade do dia 03 de junho deste ano (confira abaixo cópia do alvará).

Nenhum comentário:

Postar um comentário