Menu

sexta-feira, 10 de julho de 2015

ACUSADO DE HOMICÍDIO EM CAMPINA ESTÁ PRESO EM QUEIMADAS. ELE VAI SER OUVIDO PELA DELEGADA TATIANA BARROS

(Jonathan Cartos: acusado de homicídio)
Nos próximos dias, Jonathan Carlos Rocha "dom", de 20 anos, que foi preso pela polícia militar no Bairro Cássio Cunha Lima, em Queimadas, no final de junho com uma motocicleta Titan roubada, será ouvido em Campina Grande pela delegada Tatiana Barros.
Ele  é acusado de um homicídio no ano passado.
Jonathan está preso na cadeia pública de Queimadas.
Em desfavor dele, que se identificava como "Joab", havia dois mandados de prisão, um por tráfico e outro por homicídio.

"Dom" é suspeito da morte de Lucas Silva Rodrigues, ocorrida na noite de 25 de março de 2014.
O CRIME
Lucas, de 20 anos, foi assassinado com quatro tiros de revólver.
Ele morava na Rua 20 de Abril, em José Pinheiro, Campina Grande.
O homicídio aconteceu na Rua Tamandaré, no mesmo bairro.
Informações dão conta de que duas pessoas em uma motocicleta abriram fogo contra o jovem.
(Lucas Silva: vítima) 
Na noite do crime, Lucas estava jogando videogame.
O rapaz ainda chegou a ser socorrido até um hospital, mas antes de receber os socorros, acabou morrendo.
Durante as investigações, a delegada Tatiana Barros descobriu a motivação.
"Dom" teve um primo assassinado e desconfiou que Lucas teria sido o condutor de uma moto que deu fuga ao assassino.
Nada foi provado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário