Menu

segunda-feira, 27 de julho de 2015

TRÊS TENTATIVAS DE HOMICÍDIOS EM CAMPINA: EM DOIS CASOS OS ACUSADOS FORAM PRESOS

O servente de pedreiro Patrício Ferreira da Silva, de 27 anos, encontra-se internado no Hospital de Trauma em Campina Grande, após ser atingido com um disparo de revólver.
A tentativa de homicídio aconteceu por volta das 05h40 desta segunda-feira (27/07) quando ele saía de casa, na Rua João Francisco de Araújo, em Santa Rosa, com destino ao trabalho.
O rapaz contou que dois homens numa moto tentaram tomar-lhe o celular e ele reagiu.
De repente recebeu um tiro no tórax.
O SAMU realizou os socorros e o transferiu para o hospital.
Um pouco antes, às 03h20, a guarnição do cabo Alecssandro prendeu Rodrigo Santos, de 32 anos.
Ele é acusado de ferir com golpes de faca Rafael Fernando da Silva, de 27.
No Trauma foi constatado que  rapaz foi atingido com 14 golpes de faca.
O crime aconteceu na Avenida Almirante Barroso, no Bairro Cruzeiro.
A guarnição se deparou com a vítima caída em frente a uma madeireira e solicitou a presença do SAMU.
O acusado fugiu a pé, mas foi perseguido e preso.
ATIROU NA PM E ASSALTOU UMA MULHER
José de Sousa Horácio, 39 anos, morador das Malvinas, também foi preso por tentativa de homicídio e roubo.
Por volta das 16h20 ele assaltou uma funcionária da A&C, no Cruzeiro.
Ela desceu de um ônibus e foi abordada pelo acusado que, armado com um revólver a atacou.
Foram roubados uma bolsa e outros pertences.
A guarnição do sargento Davi foi acionada e visualizou o acusado com o roubo.
Imediatamente ele jogou a bolsa dentro de uma escola e efetuou disparos na direção da viatura.
A guarnição do cabo Alecssandro foi acionada e prendeu José de Sousa.

O delegado José Everaldo o autuou em flagrante por tentativa de homicídio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário