Menu

domingo, 9 de agosto de 2015

ADOLESCENTE DE 14 ANOS MORRE APÓS SER BALEADO DURANTE PERSEGUIÇÃO POLICIAL

Uma perseguição policial registrada por volta das 22h00 da sexta-feira (07/08) em São Bento, no Sertão da Paraíba, resultou na morte do estudante Roosevelt Dutra Linhares, de 14 anos de idade.
Uma guarnição da Força Tática da Polícia Militar recebeu a informação de que dois rapazes estariam conduzindo uma motocicleta Honda em direção perigosa na Avenida Pedro Eulâmpio, no centro da cidade.
Os policiais averiguaram a situação e se depararam com o adolescente Roosevelt na companhia de um segundo jovem na moto em alta velocidade e sem uso do capacete de segurança.
A Polícia constatou ‘atitude suspeita’ e tentou abordá-los, porém sem êxito, momento em que Roosevelt e o amigo saem em alta velocidade, gerando uma perseguição policial.

Segundo a PM, durou cerca de 30 minutos.
A Polícia Militar informou que houve troca de tiros com os jovens, e que a viatura veio a ser atingida por quatro disparos, porém nenhum integrante da guarnição policial ficou ferido.
A guarnição teria reagido aos disparos, vindo a acertar o adolescente com um tiro nas costas.
Ele não resistiu ao disparo e morreu ainda no local.
Os policiais informaram que a moto utilizada pelos jovens durante a perseguição foi localizada minutos após o estudante ser baleado, já o outro jovem conseguiu fugir.

Uma linha investigativa foi aberta pela 8ª Delegacia Regional de Polícia Civil para apurar o caso. 
Segundo o delegado Homero Perazzo Filho, os policiais presentes na ação e várias pessoas da população já foram ouvidos.
VERSÃO DA 3ª CIA DE POLÍCIA MILITAR
A coordenadoria de comunicação social da Polícia Militar informou que o policial que comandava a viatura no momento do fato já prestou depoimento na delegacia local e que a instituição aguardará a conclusão do inquérito da Polícia Civil, inclusive será aberto também pela PM um procedimento paralelo para apurar o caso.
O policial foi afastado das funções na cidade de São Bento a fim de preservar a integridade física dele e também para garantir uma maior isenção na apuração do fato.
(saobentoonline)
Fotos: saobentoonline

Nenhum comentário:

Postar um comentário