Menu

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

NAS VAGINAS: TRÊS MULHERES SÃO FLAGRADAS COM CELULARES, MACONHA, BATERIAS, CARREGADORES, CHIPS E FONES DE OUVIDO; MATERIAL SERIA ENTREGUE AOS MARIDOS NA PRISÃO

Três mulheres de presos foram flagradas tentando entrar na Presídio Padrão Regional de Campina Grande, com celulares, maconha, baterias, carregadores, chips e fones de ouvido nas “partes íntimas”.
Tudo estava escondido nas vaginas, bem acomodado, muito bem empacotado e protegido.
Na manhã desta quarta-feira (19/08) a revista da Padrão flagrou o material com as mulheres e evitou que o ilícito chegasse ao “destino final”
De acordo com o diretor, Anselmo de Vasconcelos, “os agentes perceberam a mulheres nervosas, com a cor fugindo do corpo, vozes trêmulas e soando. Eles usaram um ‘raio x de mão’ para auxiliar no flagrante que nós já prevíamos”.

Uma delas, de 27 anos, foi flagrada “transportando” um celular, dois fones de ouvido, duas baterias, um carregador e dois pequenos tabletes de maconha.
Como coube? Cabendo.
Ela iria visitar um companheiro preso por roubo.

A segunda mulher, de 31 anos, que mora no Pedregal, acusada, inclusive de matar um sanfoneiro no Parque do Povo, também levava na vagina dois celulares, duas baterias e dois pequenos tabletes de maconha.
O companheiro dela também responde por roubo.
Como coube? Cabendo.

A terceira flagrada transportava uma “boa quantidade de  maconha”.
Ela tem 27 anos.
A droga seria entregue a um preso acusado de homicídio e associação criminosa.
APREENSÃO DE DROGA E CELULARES TÊM SE INTENSIFICADO

Tanto na Padrão, quanto na Penitenciária, a apreensão de droga e celulares têm se intensificado.
Na semana passada 02kg de maconha, dois celulares e 50g de cocaína que foram arremessados para o interior do Serrotão, não chegaram aos presos.
Na Padrão, um celular e 100g de cocaína, também não chegaram aos presos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário