Menu

domingo, 23 de agosto de 2015

“POR TODO AMOR QUE HOUVER NESTA VIDA”: MAIS DUAS MULHERES SÃO APREENDIDAS COM DROGA NA VAGINA TENTANDO ENTRAR EM PRESÍDIO; UMA MULHER CARREGAVA UM BEBÊ PARA DESPISTAR A REVISTA

Mais duas mulheres foram flagradas tentando entrar com droga e celulares no Presídio Regional Padrão de Campina Grande.
As prisões e apreensões ocorreram neste domingo (23/08).
Como das últimas quatro vezes, os ilícitos estavam acomodados nas “partes íntimas, na vagina”.
Foram encontrados celulares, baterias, carregadores, chips e maconha.
“Chama a atenção à insistência dessas mulheres. Desde quarta-feira (19) que realizamos flagrantes e coincidentemente os ilícitos estão escondidos nas partes íntimas”, disse o diretor Anselmo de Vasconcelos.
Umas delas carregava uma criança nos braços, talvez com intuito de desviar a atenção dos agentes.
Não deu certo.
As acusadas podem responder por tráfico de droga ou associação ao tráfico.
Elas também ficam proibidas de visitar seus companheiros.
“Nós sabemos que elas são obrigadas a se submeter a este tipo de risco. São obrigadas, pelos companheiros que estão presos, a trazer a droga ou o celular, mas isto não nos diz respeito. Fazemos o nosso trabalho e vamos continuar combatendo este tipo de crime”, completou o diretor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário