Menu

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

FIM DA LINHA, OU QUASE: DUPLA PASSA O FINAL DE SEMANA ASSALTANDO COM CARRO ROUBADO, LEVA BALA, VAI PRA O HOSPITAL, MAS NÃO CORRE RISCO DE MORTE

Dois adolescentes infernizaram a vida de um casal, de clientes de lanchonetes, de clientes de restaurantes, de comerciantes, mas acabaram levando bala.
Por enquanto é o fim da linha para uma dupla de infratores que de maneira violenta “curtiu o final de semana” em Campina Grande.
Só por enquanto!
Na noite do sábado (19/09) os menores roubaram um Ford KA na Rua Aprígio Nepomuceno (Jardim Paulistano) no momento em que um casal parava numa lanchonete.

Com este veículo eles se dirigiram para um restaurante na Rua Antenor Navarro, na Prata, e realizaram um arrastão.
No domingo (20) a onda de crime crimes praticada pela dupla foi reiniciada à tarde.
Em um ponto de ônibus da Assis Chateaubriand, três mulheres foram roubadas.
“Uma dupla num carro branco roubou a gente e levou dois celulares. Um deles tinha uma espingarda. Eles tinham apoio de dois homens numa moto”, disse uma jovem ao renatodiniz.com.
À noite na Avenida Almirante Barroso (no Quarenta) uma pastelaria foi assaltada e de lá foram roubados “500,00 reais”.
Os acusados estavam em motos, mas nas proximidades, um Ford KA dava cobertura.
Quarenta minutos após o assalto a este local, quatro ladrões em um Ford KA  assaltaram outra pastelaria na Avenida Francisco Lopes de Almeida (sequência da Avenida Almirante Barroso) no Cruzeiro.
Parou por ai!
Nas imediações do estabelecimento houve disparos de armas de fogo.
O carro foi “crivado de balas”, mas mesmo assim os ocupantes fugiram.
O DESFECHO
A polícia foi informada que provavelmente os ocupantes do carro tinham sido atingidos.
Não deu outra.
“M.B.”, de 16 anos, morador do Centenário, deu entrada no Trauma com um disparo na cabeça e outro no abdome.
Ele disse que “estava na SAB do Centenário e quando saiu foi baleado”.
A conversa dele não colou.
O infrator foi reconhecido como um dos ladrões que assaltaram a pastelaria no Cruzeiro.
Outro ladrão baleado foi deixado no Hospital Antônio Targino com um disparo nas nádegas.
Ele tem 17 anos.
Este também foi reconhecido.

O carro foi encontrado no Bairro Quarenta, por uma equipe de policias militares.
Dentro havia uma espingarda, uma carteira contendo dinheiro e documentos pessoais de vítimas dos assaltos.
O Serviço de Inteligência do 2ºBPM está investigando os outros envolvidos que davam cobertura na moto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário