Menu

sábado, 14 de novembro de 2015

DURANTE ASSALTO EX-PRESIDÁRIO É MORTO A TIROS, DIZ POLÍCIA

Por volta do meio-dia deste sábado (14/11) a polícia registrou a morte do ex-presidiário Lucas Oliveira Fernandes, de 20 anos, que morava na José Adelino de Melo, no José Pinheiro, em Campina Grande.
Ele foi morto a tiros.
Os disparos atingiram a perna direita, a virilha e tórax.
Testemunhas informaram as polícias militar e civil que “Lucas estava assaltando clientes que saiam da concessionária Toyota, na Rua Raimundo Nonato com Rubens Saldanha, também em José Pinheiro e foi morto com quatro disparos”.
Essa versão foi divulgada nas redes sociais pela presidente do inquérito delegada Maíra Roberta.
A policial, em contato com o renatodiniz.com, informou que havia cerca de um mês Lucas deixou um dos presídios de Campina Grande.
“Ele havia sido preso por assalto a T.Gise. Estava em Liberdade havia pouco tempo.”,
Lucas morreu no gramado da concessionária e estaria com uma arma na cintura.
A polícia civil deve ter acesso às câmeras de segurança da concessionária para saber detalhes do caso.
(Texto publicado com base nas informações da delegada Maíra Roberta)

Um comentário: