Menu

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

PC PRENDE UM DOS ACUSADOS DE ASSALTAR JOALHARIA EM CAMPINA GRANDE

Romário de Oliveira, “romarinho”, morador da zona leste, foi preso por policiais da delegacia de Roubos e Furtos mediante um Mandado de Prisão Preventiva.
Ele é acusado de assaltar no dia 16 de outubro uma joalharia na Rua Monsenhor Sales, no Centro de Campina Grande.
Do local foram roubados 15 relógios.
De acordo com a polícia, ele estava acompanhado de Rodrigo Martins, que está foragido.
O delegado Cristiano Santana informou que “Rodrigo esperou ‘romarinho’ numa motocicleta na esquina da Rua onde ocorria o crime. ‘Romarinho’ se encarregou de agir no estabelecimento.”

Na casa de Rodrigo foram encontrados três relógios com etiquetas da loja, uma motocicleta e a camisa usada por ele no dia do crime.
Romário nega o crime, mas a polícia informou que ele e Rodrigo foram reconhecidos por testemunhas, além das imagens de câmeras de segurança de estabelecimentos vizinhos.
POR OUTRO LADO Ygor, Mastroianni e Elimiemerson já se encontram no Presídio Provisório de Campina Grande.
Eles foram presos no final de semana por policiais civis de Esperança.
Os três são suspeitos de envolvimento nos crimes de explosão de caixas eletrônicos. 

2 comentários:

  1. A polícia ta fazendo sua parte, AGORA FALTA A JUSTIÇA FAZER A SUA para que esses meliantes continuem presos e aliviando a população.

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente.
    Policia prende,justiça solta.
    Brasil esculhambado.

    ResponderExcluir