Menu

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

ACUSADO DE ASSASSINAR EX-NAMORADA É PRESO PELA PC; ELE SE PREPARAVA PARA FUGIR DO ESTADO

Policiais do Núcleo de Homicídios de Esperança (12ªDSPC) prenderam na cidade de Pocinhos, nesta quarta-feira (16/12), Gerôncio Barros Francelino, o “Júnior Sousa”, de 23 anos.
Ele é acusado de matar a tiros a ex-namorada Sandra Maria da Silva, 14 anos.
O crime aconteceu por volta das 05h00 do dia 06 de dezembro em São Sebastião de Lagoa de Roça.
Policiais civis em Puxinanã auxiliaram nas informações que levaram a Prisão Preventiva do acusado.
O renatodiniz.com entrou em contato com o delegado Jorge Luis e ele informou que o acusado se preparava para deixar a Paraíba e o destino seria São Paulo.
A viagem estava marcada para sexta-feira, dia 18.
“A prisão se deu no sítio “Jardins”, em Pocinhos. Ele estava na casa de familiares se programando para ir a São Paulo na sexta-feira”.
O delegado disse que “não houve reação e Gerôncio apontou onde estava a arma utilizada no crime”.
O renatodiniz.com procurou saber qual a versão do acusado para matar a ex-namorada.
Ele contou ao policial que “tudo se deu por ciúme”.
“Gerôncio disse que foi ao sítio ‘Geraldo’ (na noite anterior ao crime) e lá estava ocorrendo uma festa. Ele afirmou que encontrou a vítima com um amigo. Na ocasião os dois foram para o interior de um carro e saíram minutos depois. Tudo observado pelo acusado, o que lhe causou mais ciúme”.
Gerôncio acrescentou ao delegado que “foi para casa e depois saiu em busca da vítima, a encontrou na casa de uma amiga onde ocorreu crime”. ENTENDA O CASO

O crime aconteceu em São Sebastião de Lagoa de Roça, na Rua Manoel Carlos.
Sandra havia chegado de uma festa no sítio “Geraldo” e foi dormir na casa de uma amiga.
Já no início da manhã do domingo os moradores da residência foram surpreendidos com uma pessoa batendo a porta com bastante força dizendo que se “a porta não fosse aberta; se ninguém abrisse, ele a derrubava”.
Quando Sandra abriu a porta "recebeu" os disparos a queima roupa.
O acusado e a vítima tiveram um relacionamento por aproximadamente um ano, mas não deu certo e há dois meses se separaram.
Gerôncio não aceitou e estava inconformado.
Na noite do sábado (05) Sandra se divertia numa festa e o ex-companheiro a não gostou nada do que presenciou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário