mj

mj

terça-feira, 14 de abril de 2015

EM CAMPINA: ACUSADO DE ASSASSINATO É CONDENADO A 24 ANOS DE PRISÃO; TUDO TEM A VER COM O PEDREGAL

Rubenildo Pequeno Tavares foi condenado a uma pena de 24 anos pela morte de Alberlândio Medeiros Fernandes “zarolho”.
O crime aconteceu no dia 14 de junho de 2009 na Rua Geraldo Costa de Oliveira, no Conjunto Severino Cabral/Bodocongó, em Campina Grande.
Rubenildo já havia sido condenado, mas os advogados recorreram e o TJ anulou o julgamento, pois o magistrado não colocou em votação um quesito obrigatório: “O JÚRI ABSOLVE O RÉU?”.
No novo julgamento desta terça-feira (14/04) o júri entendeu que o réu era culpado da morte de “zarolho”.

“EU SACRIFIQUEI O CACHORRO, POIS ELE JÁ ESTAVA MUITO DOENTE E SOFRENDO”, DIZ JOVEM QUE ATEOU FOGO EM CÃO AINDA VIVO

Na manhã desta terça-feira (14/04) a reportagem da TV Borborema registrou o momento em que o jovem de 19 anos, acusado de matar um cachorro a pauladas e atear fogo do corpo do animal, entrou no gabinete do delegado Iasley Almeida, para prestar esclarecimentos.
Ao término do depoimento ele não quis gravar entrevista, mas disse o cachorro estava muito doente e resolveu sacrificá-lo.

E AÍ: VAI FICAR DE BRAÇOS CRUZADOS ESPERANDO A MORTE CHEGAR?


Participe da Grande Assembleia Popular na Praça da Clementino Procópio contra o PL (Projeto de Lei) 4330.
Diga não a tentativa de precarização do trabalho:
- Não à perpetuação dos baixos salários!
- Não ao aumento de acidentes de trabalho!
- Não ao desmonte dos sindicatos dos trabalhadores!
- Não à possibilidade da extinção de concursos públicos!
Lute pelos seus direitos.
Essa é a hora
É nesta quarta, dia 15 de Abril.

EM CAMPINA: POLÍCIA PRENDE ACUSADO DE LATROCÍNIO QUANDO ELE IA VIAJAR PARA O RIO DE JANEIRO: SUSPEITO ESTAVA DENTRO DE ÔNIBUS NA RODOVIÁRIA

Policiais do 4ºBPM prenderam na manhã desta terça-feira (14/04), em Campina Grande, Valmir Soares da Silva, de 22 anos.
Ele recebeu “voz de prisão” dentro de um ônibus no terminal Argemiro de Figueiredo, quando se preparava para viajar ao Rio de Janeiro.
Valmir é acusado de um latrocínio (matar para roubar) na cidade de Sapé, Brejo do estado, no dia 1º de abril.
A vítima foi o comerciante Tony Tavares.
Os policiais do batalhão em Guarabira já tinham informações de que o suspeito fugiria para o Rio de Janeiro e que a “melhor rota de fuga” seria por Campina Grande.

EM CAMPINA GRANDE: LADRÕES ESTOURAM CAIXA ELETRÔNICO EM POSTO DE GASOLINA

Na Madrugada desta terça-feira (14/04), cerca de 10 homens encapuzados e fortemente armados explodiram um caixa eletrônico "24 Horas" que funciona na loja de conveniência do Posto Millenium, às margens da Alça Sudoeste, em Campina Grande.