Menu

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

VIZINHO É ACUSADO DE ASSASSINAR EX-PRESIDIÁRIO NO JOSÉ PINHEIRO; ELES ERAM AMIGOS DE INFÂNCIA

(Flaubert, a vítima e Gean, o acusado: amigos de infância e vizinhos)
(Atualizado às 16h36)
Flaubert Ramos da Silva, 25 anos, foi assassinado no início da noite desta quinta-feira (21/01) com um tiro de espingarda calibre “12” no tórax.
O crime aconteceu num beco da na Rua Tomé de Souza, no Bairro José Pinheiro, em Campina Grande, onde ele morava.
O rapaz ainda foi socorrido para o Hospital de Trauma, mas devido à gravidade, não resistiu.
O acusado é vizinho e foi identificado como Gean Gomes da Silva, que está foragido. 

Eles eram amigos de infância.
Flaubert usava drogas.
O motivo do crime foi uma "luz desligada".
A energia do casebre (quarto) da vítima era "puxada" do casebre de Gean.
Flaubert pediu para Gean ligar a energia, ocorreu um desentendimento que acabou em morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário