Menu

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

INTERNAUTAS QUE COMEMORARAM MORTES DE POLICIAIS NA PARAÍBA VÃO SER REPRESENTADOS CRIMINALMENTE

Os internautas que comemoraram as últimas mortes de policiais militares com postagens que faziam apologia ao crime, atacando as vítimas e a própria PM, estão sendo alvos de uma representação criminal por parte da Caixa Beneficente, que entregou nessa segunda-feira (15/02) ao Ministério Público uma petição com os perfis onde foram encontrados esses conteúdos.
O documento judicial tem provas suficientes para o oferecimento da denúncia por parte do MP e traz nomes dos usuários, local de acesso e informações complementares sobre os autores. 
A representação foi feita junto ao Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial (NUCAP).
Para o presidente da Caixa Beneficente dos Oficiais e Praças da Polícia Militar e Bombeiro Militar, coronel Marcos Alexandre Sobreira, além das providências que foram solicitadas, a ação serve também de alerta para que se tenha mais respeito com o profissional que trabalha arriscando a própria vida para defender a sociedade. 
“Não vamos admitir jamais enquanto entidade representativa da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros esse desrespeito com a nossa categoria, onde uma pessoa se acha no direito de comemorar a morte de um policial com expressões nas redes sociais que fazem apologia ao crime e atacam a dignidade do policial militar”, avisou o coronel Sobreira.
O advogado da Caixa Beneficente, Denyson Fabião, falou que quando a denúncia for feita, as pessoas citadas na petição serão acusadas de apologia ao crime.
“Fizemos a representação com pedido de providências e apresentamos os elementos que comprovam que essas pessoas praticaram apologia ao crime, agora vamos aguardar o trâmite legal para que as providências sejam tomadas de forma exemplar, como o caso requer”, explicou.
(Assessoria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário