Menu

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

PARA ROMERO, ALUÍZIO CAMPOS CAUSA INVEJA E ORIENTA TRATAMENTO MÉDICO AOS OPOSITORES

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), desmentiu em entrevista na tarde dessa segunda-feira (1º/02), declarações de que o projeto do Complexo Aluízio Campos seja do governo federal, e não obra do seu governo.
Para Romero, a informação é intriga da oposição, que não foi capaz de construir um projeto tão grandioso mesmo estando no governo por mais tempo.
Ele revelou que o mérito do complexo é de sua gestão e contou que foi a Brasília 40 vezes em busca de apoio para colocá-lo em prática.
Segundo o tucano, o Aluízio Campos causa inveja.  
Ele disse que as pessoas que insistem em menosprezar a obra devem procurar ajuda médica, como fisioterapia, para se curarem das “dores de cotovelo”.
“O Aluízio Campos é ideia nossa. Nós a compramos e fomos trabalhar e constituir parcerias, inclusive o governo federal é o nosso parceiro, mas tem gente que tem inveja desse nosso projeto, tem dor de cotovelo, precisam de um fisioterapeuta, de passarem na farmácia, para curarem suas dores de cotovelo, pois estas pessoas ao invés de aplaudirem, de sentirem-se orgulhosos pelo projeto, fazem o contrário, dizem que eu não tenho mérito. Logo eu que fui a Brasília 40 vezes buscar apoio para o Aluízio Campos e ele será uma mudança histórica nessa cidade, frisou.
*As declarações repercutiram na Rádio Campina FM.
(paraibaonline)

Nenhum comentário:

Postar um comentário