Menu

segunda-feira, 18 de julho de 2016

POLÍCIA COLOCA ATRÁS DAS GRADES ACUSADOS DE ASSALTAR E ATIRAR EM MULHER QUE FAZIA CAMINHADA; ASSALTANTE QUE ATIROU É MENOR E NÃO DEMONSTROU “UM PINGO” DE PREOCUPAÇÃO

Como antecipou o renatodiniz.com, a captura dos assaltantes que roubaram e atiraram na estudante Andreia Maria Granjeiro, 31 anos, na noite da quinta-feira (14/07), era só questão de “alguns detalhes”.

Tanto é que nesta segunda-feira (18) policiais civis da 12ªDSPC e militares do 10ºBPM apreenderam dois adolescentes de 14 e 15 anos, e prenderam Eduardo Sousa Filho, de 19.
Com o adulto a polícia encontrou droga.
Andreia fazia caminhada no entorno de um campo de futebol na cidade de Esperança quando os assaltantes se aproximaram e anunciaram o assalto.
Ela tentou correr e um deles atirou nas costas da mulher.
Um celular foi roubado.
Andreia Maria Granjeiro foi socorrida pelo SAMU para o Hospital de Trauma, onde permanece e não corre risco de morte.
A frieza do adolescente que atirou, chamou a atenção da polícia.
“Ele é frio, dissimulado, perigoso e não demonstrou nenhum arrependimento em atirar na vítima. Não estava com um ‘pingo’ de preocupação. Ele disse que pensou que a mulher iria reagir. O malandro é uma geladeira”, contou um policial ao renatodiniz.com.
O pai dele, inclusive, foi morto num confronto com a polícia federal em março de 2010 na cidade de Alagoa Nova por ocasião da tentativa de assalto ao Banco do Brasil.

3 comentários:

  1. Cadê a justiça agora pra fazer a parte dela, tem que tirar esses lixos do meio da sociedade...

    ResponderExcluir
  2. É inacreditável, inaceitável a forma como esses monstros vivem em nosso meio. E o triste desde extatuto proteje essa gente. Mais Deus está preparando um lugar pra esses vermes.

    ResponderExcluir
  3. É inacreditável, inaceitável a forma como esses monstros vivem em nosso meio. E o triste desde extatuto proteje essa gente. Mais Deus está preparando um lugar pra esses vermes.

    ResponderExcluir