terça-feira, 10 de janeiro de 2017

MILITAR REFORMADO, BALEADO EM CAMPINA, MORRE NO TRAUMA

Morreu na manhã desta segunda-feira (09/01) no Hospital de Trauma o soldado reformado da polícia militar Adenildo José da Silva, de 45 anos de idade.
Ele estava internado desde a tarde de 30 de dezembro, vítima de tiros.
O CRIME

“Bolinha”, como ele é conhecido, estava em frente ao portão da casa dele quando passaram dois homens e um deles abriu fogo acertando o militar na cabeça, no tórax, além da virilha.
O crime ocorreu no Jardim Borborema, em Campina Grande, e os acusados fugiram com destino a uma favela.
Consta ainda no relatório da PM que eles desceram de um carro Fiesta de cor preta.
De acordo com informações obtidas pelo renatodiniz.com, inicialmente Adenildo, devido à gravidade, foi socorrido pela guarnição do cabo Januário que chegou primeiro onde ocorreu o crime, mas foi transferido para uma guarnição do SAMU que estava na Avenida Juscelino Kubitscheck, no Médici.

Nenhum comentário:

Postar um comentário