terça-feira, 25 de abril de 2017

ACUSADOS DE TRÁFICO, HOMICÍDIO, TENTATIVA DE HOMICÍDIO, ESTUPRO, ROUBO E FURTO SÃO PRESOS PELA PC

Policiais civis cumpriram vários Mandados de Prisão contra acusados de tráfico, estupro, homicídio, tentativa de homicídio, roubos e furtos.
As ações foram das 8ª, 11ª, 12ª e 13ª Delegacias Seccionais.

Em Esperança os PCs da 12ªDSPC cumpriram Mandado de Prisão Preventiva contra Roberto Celestino, por tráfico de droga.
No momento da prisão foram encontrados crack, cocaína e maconha.
Um adolescente de 16 anos que dava “suporte ao tráfico”, também foi apreendido em flagrante.
Um homem também foi preso em flagrante em Esperança por porte ilegal de arma e suspeito de envolvimento com tráfico de droga.
Já Alexandre Araújo “Moreira” também teve um Mandado de Prisão cumprido em seu desfavor por crime de furto.
SOLEDADE
Já em soledade uma equipe comandada pelo delegado Lamartine Lacerda deu cumprimento a Mandado de Prisão contra um homem por “conversão negativa de pena restritiva de direito”, sendo determinado seu recolhimento no complexo prisional do Serrotão, em Campina Grande.
ALAGOA NOVA
Em Lagoa Nova o delegado Malon Albuquerque e equipe  prenderam um homem de 44 anos de idade  acusado de “estupro de vulnerável”.
Contra ele a justiça determinou Prisão Temporária.
EM  QUEIMADAS
Policiais civis da 11ª DSPC cumpriram Mandado de Prisão contra Isaías Felix que já se encontrava preso por outros crimes de roubos majorados na Cadeia Pública.
O outro Mandato de Prisão foi expedido pela Vara das Execuções Penais da Comarca de Campina Grande.
Já Bruno Henrique, foi preso em decorrência de um Mandado da Comarca de Vertentes/PE por crime de furto qualificado.
EM CAIÇARA, NO BREJO
Uma ação integrada da PC e PM prendeu Alexandro Pereira, 30 anos.
Ele tentou matar a companheira Lucineide Alves.
Com um facão ele desferiu golpes vários golpes na cabeça e rosto da vítima.
O crime foi motivado por ciúme.
EM PICUÍ
Policiais da 13ªDSPC em Picuí, no Curimataú, apreenderam um menor e prenderam José Ailson dos Santos Macedo, acusados de envolvimento na morte do líder estudantil Neto Borges, crime ocorrido no dia 15 de abril.
O executor, Marcelino David Dantas Silva, já havia sido preso logo após o fato.
Foram apreendidas ainda a arma e a moto usadas na prática delituosa.
O crime causou grande comoção na região de Picuí.
(Redação com 8ª, 11ª, 12ª e 13ªDSPC)

Nenhum comentário:

Postar um comentário