quarta-feira, 14 de junho de 2017

NO LAR DO GAROTO: ATO ECUMÊNICO, SOLIDARIEDADE E REIVINDICAÇÕES. ENTENDA

O SINTAC – Sindicato dos Trabalhadores da Fundac realizou um ato ecumênico  na manhã desta terça-feira (13/06) no Lar do Garoto, em Lagoa Seca, em solidariedade as famílias dos sete infratores mortos no massacre ocorrido na última rebelião.

Todos foram assassinados por "colegas de cela". 
Para simbolizar o ato foram colocadas sete cruzes com os nomes dos adolescentes.
Uma caravana do SINTAC se deslocou de João Pessoa e se juntou com agentes socioeducativos do Lar do Garoto e do Abrigo Provisório.
Na oportunidade a presidente Lúcia Brandão, fez duras críticas às políticas adotadas pelo governo no tocante a Fundac.
Ela também registrou a insatisfação da categoria com as condições de trabalho.
O presidente da Fundac, Noaldo Meireles, também esteve na Unidade e durante contato com a imprensa disse que a terceirização de "agentes" acabou, serão construídas novas alas e o prédio passa por grande reforma.

4 comentários:

  1. esse ato solidariedade dos mortos no massacre no lar do garoto é muito bom mesmo.agora quando se junta os infratores e aterroriza um familia agricola,e chega espancar ,roubar,matar.não chega uma caravana dessa para dar assistência a familia.e muita cara de pau essa nossa lei.

    ResponderExcluir
  2. POR QUE AO INVÉS DESTA PALHAÇADA TODA, NÃO FIZERAM UMA BAITA FESTA PARA COMEMORAR ESTES QUE FORAM MORAR COM O SATANÁS ??????

    ResponderExcluir
  3. SERÁ QUE ESTES CÍNICOS FIZERAM ATO ECUMÊNICO PARA AS FAMÍLIAS DAS VÍTIMAS DESTAS CARNIÇAS ??????

    ResponderExcluir