domingo, 9 de julho de 2017

DURANTE BEBEDEIRAS: UM HOMEM E UM JOVEM SÃO ASSASSINADOS: UM ACUSADO ESTÁ PRESO

(ATUALIZADO)
Na tarde deste sábado (08/07) durante bebedeiras em dois bares um homem foi morto a pedradas e outro foi morto com um golpe de faca no peito.
Em um dos casos a PM prendeu o acusado em flagrante e no outro o autor foi identificado.

Os crimes ocorreram em Areia, no Brejo, e Alcantil, no Cariri.
Em Areia, no sítio “Boa Vista”, às 13h00, foi encontrado dentro de uma casa abandonada, o corpo do agricultor Carlos Antônio dos Santos, de 37 anos de idade, que morava no sítio “Furnas”.
O corpo apresentava sinais de agressões provocadas paravelmente por pedras.
Minutos antes ele bebia em um bar na companhia do acusado, Nazareno Belo de Sousa, de 35 anos.
Houve uma discussão entre eles, mas em seguida os dois saíram juntos para a residência abandonada e lá ocorreu o crime.
No relatório da PM consta que o acusado voltou ao bar, ameaçou os presentes, confessou o crime e disse ainda que se alguém o entregasse a polícia, voltaria para matar o “delator”.
Nazareno mora no mesmo sítio onde residia a vítima.
Rondas foram realizadas no intuito de capturá-lo, mas sem sucesso.
Já na comunidade “Barra de Aroeiras”, em Alcantil, às 17h00, outra bebedeira regada à discussão culminou em homicídio.
O acusado foi preso em flagrante por policiais da 3ªCIPM.
O jovem Jonas Severino da Silva foi golpeado no peito direito com uma profunda facada.]
Ele foi socorrido para Hospital de Trauma em Campina Grande, mas às 22h08 acabou não resistindo.
Jonas bebia na companhia do acusado, o marchante Ezequiel da Silva Santos, de 41 anos, quando começou uma confusão entre ambos.
De acordo com testemunhas, Jonas derrubou a moto de Ezequiel que por sua vez, de forma imediata sacou de uma faca e aplicou o golpe.
Testemunhas disseram ainda que enquanto o rapaz agonizava sangrando, o acusado continuou bebendo no bar como se nada tivesse ocorrido.
A PM foi chamada e encontrou Nazareno já tentando se evadir num matagal.
Ele foi preso e levado para a 11ªDSPC em Queimadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário