sábado, 23 de setembro de 2017

ACUSADO DE ROUBAR CARRO, FUGITIVO DE UNIDADE SOCIOEDUCATIVA, ATIRA NA PM E ACABA MORTO

(Atualizado)
Um fugitivo de uma Unidade Socioeducativa do estado de Pernambuco, acusado de roubar um carro, acabou morto numa troca tiros com a polícia militar em Campina Grande.

O caso foi por volta das 10h00 deste sábado (23/09).
O veículo, um Celta de cor prata, foi tomado por assalto no Centro e  a PM foi informada.
No “contorno do INSS”, no Bairro Catolé, a polícia visualizou o carro.
Houve tentativa de abordagem, mas o condutor não parou o veículo.
Na perseguição ele começou a disparar de forma aleatória e por pouco não atingiu civis e  policiais.
A polícia não teve alternativa a não ser revidar.
A fuga só acabou nas imeadiações do estádio "O Amigão"
Um disparo atingiu o acusado Debson Monteiro Silva, de 17 anos.
Ele foi socorrido, mas acabou não resistindo e morreu no Hospital de Trauma.
Com ele, que morava em Queimadas, foi encontrado um revólver calibre “38”.
O disparo pode ter atingido a femural.

5 comentários:

  1. eu ia passando no momento do assalto na rua desembargador trindade, e esse ¨menor" atirava em via publica, por pouco nao atingindo pessoas que estavam no espetinho do neto......belo trabalho, mas uma eliminado, aos poucos diminuiremos a bandidagem... quem quiser ser ressocializado que faça isso logo, senao o destino sera igual ao deste meliante

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Não entendo para que socorrer um maldito desses, tem é que deixar sangrando no chão igual um porco, e se possível ainda dar uma botadas na cara...

    ResponderExcluir