sexta-feira, 29 de setembro de 2017

COVARDIA: GERENTE DE LOJA É ASSASSINADO QUANDO VOLTAVA PARA CASA

Manasses Augusto Ramos de Lima, de 40 anos de idade, que morava em Pilões, no Brejo paraibano, foi encontrado morto por volta das 05h00 desta sexta-feira (29/09) dentro de um milharal às margens da BR 104 entre os municípios de Alcantil e Queimadas, na região de Campina Grande.

Manasses estava numa motocicleta e voltava de Santa Cruz do Capibaribe, em Pernambuco, onde trabalhava como gerente de loja.
Ele foi visto pela última vez saindo de uma pamonharia às margens da rodovia e depois foram ouvidos disparos.
O trabalhador seguiu caminho para casa e foi baleado com três tiros na altura do tórax.
Manasses perdeu o controle da moto e acabou caindo com o veículo na plantação de milho.
Às 18h55 da quinta (28) ele, mesmo ferido, ligou para a mulher informando que estava baleado.
Foi uma conversa de menos de um minuto.
Depois a esposa não conseguiu mais contato.
Diante da situação a polícia foi informada
Familiares e amigos saíram de Pilões para procurá-lo.
Foi uma busca que começou a noite e só terminou com a constatação dessa tragédia”, disse um cunhado de Manasses à reportagem da TV Borborema
Os familiares acreditam que mataram o gerente para roubar, mas nada foi levado.
O trecho da BR 104 onde ele foi morto é um dos mais perigosos entre Queimadas e Alcantil.
É comum roubos de carros, motos, arrastões e sequestros.
Ele era casado, pai de dois filhos e irmão de um sargento da polícia militar do 4ºBatalhão.

Um comentário:

  1. Lamentável!
    Fico impressionado com os cretinos, metidos a intelectuais, que se dizem conhecedores do tal, DIREITOS HUMANOS, e que continuam defendendo os bandidos deste país. Que se fodam!!!

    ResponderExcluir