segunda-feira, 23 de outubro de 2017

BRIGA ENTRE MEMBROS DE TORCIDAS PROVOCA MORTE DO PEDREGAL, DIZ POLÍCIA

No início da tarde desta segunda-feira (23/10) José Carlos da Silva Celestino, de 21 anos de idade, foi morto a tiros dentro da casa onde morava na Rua São Pedro, no Bairro Pedregal, em Campina Grande.

De acordo com o delegado Francisco Assis Silva, a morte dele tem a ver com briga de torcidas organizadas de Treze e Campinense.
Em contato com o www.renatodiniz.com o policial afirmou que desde ontem que circula nas redes sociais um vídeo onde aparece José Carlos, na companhia de outros membros, espancando um torcedor do Treze Futebol Clube que supostamente faz parte da Torcida Jovem.
Nesta segunda-feira José Carlos estava em casa, entraram dois desconhecidos e o espancaram.
O delegado acrescentou que, além disso, cortaram os pulsos e as orelhas dele com uma colher para em seguida matá-lo com quatro disparos na boca e um no pescoço.
Após o crime os autores ainda o vestiram com uma camisa nas cores do Campinense Clube e o arrastaram para fora da residência.
Os acusados fugiram a pé.

Nenhum comentário:

Postar um comentário