segunda-feira, 2 de outubro de 2017

PROERD: A MÃO AMIGA DA PM NO COMBATE AS DROGAS E VIOLÊNCIA NAS ESCOLAS

Na semana passada o Proerd - Programa Educacional de Resistência as Drogas e a Violência, de responsabilidade da polícia militar, realizou várias formaturas no estado.
Em Campina Grande na manhã da última terça-feira (27/09) em solenidade no Teatro Municipal Severino Cabral, 375 alunos do 5º ano de 10 escolas municipais receberam seus certificados.

No primeiro semestre de 2017.1 o Proerd formou 2.563 alunos na cidade.
O Proerd é um programa preventivo e educativo, ministrado por policiais militares fardados, com duração média de três meses, e que tem como objetivo a promoção e integração entre a polícia, a escola e a família, para alertar ás crianças e jovens do perigo da droga e da violência.
Em Campina Grande o programa está presente desde o ano de 2001, assistindo ao todo 23.186 crianças.
Os alunos que escreveram as cinco melhores redações receberam tablets e a aluna que escreveu a melhor redação, recebeu uma bicicleta das mãos do tenente coronel Lamark Victor Donato,  comandante do 2º BPM.
Em Campina Grande o Proerd é coordenado pelo Sargento Edgley Queiroga que também é coordenador da Ronda Escolar.
A vencedora foi uma estudante da 5ªSérie da escola Municipal Lafayete Cavalcante, na Ramadinha.
EM GUARABIRA

Em Guarabira a solenidade de formatura de 342 alunos das redes  municipal e privada aconteceu na quarta-feira (28) no ginásio do Centro Integrado de Educação, Esporte e Cultura e contou com a presença do leão Dare, o mascote do Proerd.
Além de certificados aos alunos que concluíram o curso, houve entrega de premiação para a melhor redação.
Para o comandante do 4º BPM, major Gilberto, que esteve presente à solenidade de formatura, “o Proerd é uma importante forma de prevenção e, com o programa, as crianças são educadas para dizer não às drogas, em defesa da vida, das famílias e do próximo”.
Somente na área do 4º BPM, o Proerd já formou, no primeiro semestre deste ano, um total de 4.506 alunos, sendo 3.924 do ensino infantil e séries iniciais e 582 do 5º ano.
O programa tem como modelo o Dare (Drug Abuse Resistance Education), desenvolvido junto ao Departamento de Polícia da cidade de Los Angeles, nos Estados Unidos, em 1983.
No Estado da Paraíba, o Proerd foi implantado pela Polícia Militar no ano de 2000 e já formou dezenas de milhares de alunos.
(Redação com 2ºBPM e 4ºBPM)

Um comentário:

  1. Melhor educação e mudar as leis desse pais ,aí eu quero ver neguim matar pra roubar usar drogas etc.

    ResponderExcluir