segunda-feira, 9 de outubro de 2017

TIROS NO CAMPESTRE, EM CAMPINA: UM BALEADO E UM PRESO

Por volta das 14h00 deste domingo (09/10) o Clube Campestre, no Bairro Catolé, em Campina Grande, foi palco de uma confusão que terminou com uma pessoa ferida e outra presa.
O caso ocorreu na área dos bares.

Um policial federal aposentado de 54 anos de idade sacou de uma pistola e atirou em um representante comercial de 56 anos que foi atingido com três disparos.
Em seguida o ex-policial saiu do recinto e foi para o prédio da PF.
Um policial civil o seguiu até o local.
O delegado seccional Iasley Almeida foi até a PF e lá mediou a situação e o caso foi parar na 10ªDSPC onde a delegada Suelane Souto confeccionou o flagrante em desfavor de Darlan Mariz.
Duas capsulas de 9mm foram entregues pela ROTAM à delegada.
O representante comercial Fernando Luiz recebeu os primeiros socorros no Campestre e foi socorro para um dos hospitais da cidade.
Ele não corre risco de morte.
Nas redes sociais a PC divulgou nota informando sobre o ocorrido, mas não menciona os motivos.
Já a direção do clube, também em nota,  informou que lamenta o episódio e deixou claro que o setor jurídico da entidade está tomando as providências.

Nenhum comentário:

Postar um comentário