segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

PC PRENDE SUSPEITO DE ASSASSINATO EM BODOCONGÓ; VÍTIMA FOI SOCORRIDA E CAIU DA MACA NO HOSPITAL DE TRAUMA. ENTENDA

Policiais da Delegacia de Homicídios em Campina Grande cumpriram um Mandado de Prisão contra o suspeito de ser o autor da morte  de Valdir Galvão dos Santos.

Valdir foi baleado na noite de 28 de novembro.
Quando chegava ao Hospital de Trauma caiu da maca quando passava por uma rampa improvisada.
Ele morreu na noite seguinte (29).
O preso trata-se de Regivan Lopes, de 26 anos.
ENTENDA O CASO
Valdir Galvão dos Santos tinha 44 anos de idade.
Na noite da terça-feira (28), às 20h00, ele foi baleado com três tiros no pescoço e no tórax.
O crime ocorreu na comunidade Novo Bodocongó, antigo “morro do urubu”.
Valdir foi socorrido pelo SAMU e no momento em que entrava no hospital para ser levado para a ala vermelha desabou da maca.
A queda ocorreu quando a maca passava por uma rampa improvisada feita de madeira.
A frente do Hospital de Trauma está passando por reforma e a entrada dos pacientes está sendo realizada por uma porta lateral.

Na manhã da quarta (29) a rampa de madeira foi substituída por outra de cimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário