segunda-feira, 18 de junho de 2018

VEREADOR SARGENTO NETO REPROVA OBRIGATORIEDADE DE POLICIAIS PRESTAREM HORA EXTRA


O vereador Sargento Neto manifestou sua indignação em relação ao fato de os policiais militares serem obrigados a prestar horas extras de serviço em ocasiões como a realização de grandes eventos (os festejos juninos, por exemplo).

De acordo com o vereador Sargento Neto a prestação de horas extras não deveria ser obrigatória, e deveria sim ser uma questão voluntária.
Eu acho que é uma injustiça o fato de o policial militar ser obrigado a tirar hora extra, e ainda mais, sob condições de remuneração que não são nada justas”, disse o vereador.
Acho que esta questão deveria ser no mínimo de opção do trabalhador, do policial no caso, não só por ele colocar sua vida em perigo nos períodos que deveriam ser dedicados ao seu descanso, mas também pelas mínimas condições de trabalho que lhe são oferecidas, e que não fazem jus ao esforço extra que eles exercem em prol da comunidade”, acrescentou Sargento Neto.
O vereador também apresentou requerimento solicitando ao governador Ricardo Coutinho que aumente o valor pago pelos serviços extras dos policiais militares em suas horas de folga.
De acordo com o requerimento do vereador, o governador Ricardo Coutinho deve corrigir os valores destes serviços extras de forma justa e necessária a fim de dar incentivo e estímulo a estes policiais nestas ocasiões.
Os pagamentos pelos serviços deveriam ser também suficientes para que os policiais militares possam se locomover e se alimentar dignamente nestas ocasiões”, disse o vereador em sua justificativa.
(Do Tribuna da Borborema)

Nenhum comentário:

Postar um comentário