Menu

quarta-feira, 1 de julho de 2015

O OUTRO LADO DE ENIVALDO RIBEIRO: COLECIONADOR DE GIBIS

Quem poderia imaginar que Enivaldo Ribeiro, um dos políticos mais tradicionais da Paraíba, ex-prefeito de Campina Grande, ex-deputado estadual, ex-deputado federal, pai de uma deputada estadual e de um deputado federal, se interessasse por revistas em quadrinhos, os populares gibis.

O pai de Daniella e Aguinaldo é um colecionador autêntico de quase cinco mil exemplares.
Uma paixão quem vem desde criança, dos anos 1940.
A coleção de Enivaldo não inclui exemplares novos, mas sim autênticas relíquias.
O local, na casa dele, onde ela está guardada, vai passar por reforma.
São exemplares raríssimos que às vezes fica difícil de encontrá-los.
Mas também, é raro um homem público se interessar por gibis?
“Não vejo nada demais. Cada um faz da sua vida o que quiser. Eu gosto. Sempre tive um tempo para os meus gibis”, responde Enivaldo.
Príncipe Valente, Flash Gordon (um dos heróis preferidos dele), Fantasma, Tarzan, Capitão América e O Incrível Hulk, estão ao lado de Popeye e  outros heróis dos quadrinhos.

Até a obra “A Bagaceira” de José Américo de Almeida está incluída na coleção.
Muitos gibis, como ele faz questão de chamar, já estão encadernados e dividem espaço numa prateleira com obras de diversos escritores nacionais e internacionais.
Outros exemplares estão empacotados para receber o mesmo processo.
Enivaldo até já pensou em doar os gibis, que ele tem desde menino, mas desistiu da ideia.

“Eu já pensei nisso, mas depois pensei bem. Certamente não seriam bem utilizados. A juventude mudou. Muitos não se interessam pela leitura. Eu aprendi muito. Aprendi a gostar de ler por causa dos gibis”.
A coleção vai ser toda catalogada e quando estiver pronta ficará mais acessível ao homem público, hoje com 80 anos, que soube dividir a atividade política com o prazer da leitura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário