JOVEM E ADOLESCENTE SÃO ESTUPRADAS EM CAMPINA APÓS FESTA NO PARQUE DO POVO

Às 06h00 deste domingo (11/06) uma adolescente de 17 anos e uma jovem, de 22, denunciaram a polícia militar que foram estupradas depois que saíram do Parque do Povo, em Campina Grande.

CASAL DE LADRÕES VEM AGINDO EM CAMPINA “COM FORÇA”

Um casal de ladrões vem infernizando muita gente entre os bairros Centenário e Malvinas, em Campina Grande.

EM CAMPINA: PM RECUPERA DOIS CARROS ROUBADOS ESCONDIDOS EM GARAGENS

Neste sábado (10/06) policiais do 2ºBPM recuperaram dois carros roubados na cidade que estavam “dormindo” em garagens de duas casas no Conjunto Acácio Figueiredo, região Oeste de Campina Grande.

PM E PC PRENDEM ACUSADOS DE TRÁFICO, ROUBO E TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Policiais militares da 3ªCIPM/Boqueirão prenderam às 17h00 deste sábado (10/06) um jovem procurado pela justiça por prática de roubo e tentativa de homicídio.

PRESIDENTE DO SUPREMO REAGE À ‘DEVASSA’ CLANDESTINA CONTRA MINISTRO

A presidente do Supremo Tribunal Federal ministra Cármen Lúcia, reagiu enfaticamente à denúncia de que o governo federal estaria vasculhando a vida do ministro Edson Fachin, relator no STF da Operação Lava Jato.

PREFEITURA DE MONTADAS LANÇA PROGRAMAÇÃO DO SÃO JOÃO

A programação de atrações do São João de Montadas foi anunciada na última sexta-feira (09/06).
A festa será realizada no período de 23 a 25 de junho e de acordo com o prefeito Jonas de Souza “zela pelo equilíbrio financeiro e respeito à situação econômica nacional. O evento junino em 2017 será dentro dos limites financeiros e da necessidade de se ter um evento enxuto e organizado".

PREFEITURA MUNICIPAL PASSA A OFERECER EXAMES GINECOLÓGICOS GRATUITOS

Desde a última terça-feira (06/06) a Secretaria de Saúde de Lagoa Seca, iniciou no Posto Inácia Leal, o atendimento para realização gratuita de exames de Coldoscopia, Cauterização e Biópsia. 

ESTÁ EXPLICADO: VOTO DE GILMAR MENDES EVITA A CASSAÇÃO DO AMIGO TEMER

A maioria dos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) votou contra a cassação da chapa Dilma-Temer, vencedora das eleições de 2014, pelas acusações de abuso de poder político e econômico.
O placar da votação ficou em 4 a 3. 
O voto de desempate foi proferido pelo presidente da Corte, ministro Gilmar Mendes.