MULHER BALEADA COM TIRO NAS COSTAS DURANTE ASSALTO CORRE RISCO DE FICAR PARAPLÉGICA

Andreia Granjeiro, de 31 anos, estudante e representante comercial que foi atingida com um tiro nas costas durante um assalto na noite de 14 de julho, corre um grave risco de ficar paraplégica. 
A informação foi confirmada pelo neurocirurgião Marcos Wagner, do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde a mulher está internada. 
O caso aconteceu em Esperança.