Menu

quinta-feira, 19 de maio de 2016

EM CAMPINA: HOMEM MATA A MULHER E SE ENTREGA A POLÍCIA; APOSENTADO É ENCONTRADO MORTO NUMA ESTRADA. PM TAMBÉM REGISTROU HOMICÍDIO EM AROEIRAS

("Juliana": assassinada em C. Grande)
Andreia da Silva Ribeiro, de 24 anos, conhecida como “Juliana”, foi assassinada na noite desta quarta-feira (18/05).
O corpo dela foi encontrado num matagal do sítio “Cardoso”, entre Campina Grande e Massaranduba, por volta das 22h00.
A jovem que trabalhava como camareira de um motel no Bairro Catolé, em Campina Grande, foi morta por estrangulamento.
O acusado é o marido dela, Joelson Prazeres da Silva, de 31, que na manhã desta quinta-feira (19) se entregou a polícia.
O casal brigava constantemente por causa de ciúme e havia quinze dias que estava separado.
Em contato com a reportagem da Patrulha da Cidade/TV Borborema o acusado informou que “ontem” a vítima ligou para ele e se encontraram, mas em seguida ocorreu uma discussão ocasionando o crime.
Ele também afirmou que estava arrependido.
(Joelson: assumiu o crime)
Joelson ligou para a irmã dele, disse que “tinha feito uma burrada” e contou tudo.
Ela entrou em contato com a PM e relatou o caso informando onde corpo de “Juliana” estava, segundo o irmão.
O corpo foi encontrado.
Nesta quinta-feira a irmã de Joelson entrou em contato novamente  com a PM dizendo que o irmão queria se entregar.
A guarnição do cabo Alan Jones conduziu o acusado até a Central de Polícia.
Joelson, que é vigia, foi preso nas imediações de onde o corpo da mulher foi encontrado na noite anterior.
APOSENTADO ENCONTRADO MORTO
Também na quarta-feira, às 17h30 numa estrada do sítio “Riacho dos Porcos”, na comunidade Lagoa de Dentro/Campina Grande, foi encontrado o corpo do aposentado José Matias dos Santos.
A cabeça dele apresentava um corte.
Ele foi encontrado pela filha.
José Matias estava debaixo da própria moto.
Nada foi roubado.
O delegado Antônio Lopes e equipe investigam o caso, mas o IPC é quem deve esclarecer a morte nos próximos dias.
EM AROEIRAS
Às 07h30 em Aroeiras, no Agreste, José Francisco da Silva Neto, 33 anos, foi encontrado morto a tiros nas imediações de um campo de futebol no Conjunto da Cehap.
No início da manhã moradores ouviram disparos e algum tempo depois se depararam com o homem morto.
Os tiros atingiram José Francisco na cabeça, ombro e nádegas.

Um comentário:

  1. COM TANTA MULHER Q TEM NO MUNDO ELE VAI MATA ISSO E UM BESTA TEM Q IR PRESSO MESMO E PAGAR PELO ATO

    ResponderExcluir