Menu

sábado, 19 de novembro de 2016

PRF APREENDE 50 QUILOS DE EXPLOSIVOS NA “FARINHA”; APREENSÃO NÃO TEM NADA A VER COM POLICIAL REFORMADO

(ESCLARECIMENTO/RETIFICAÇÃO)
No final da tarde desta sexta-feira (18/11) um policial reformado foi preso pela PRF numa estrada que de acesso a Pocinhos por quebra de prisão domiciliar e não por porte de explosivos, como foi divulgado.
O www.renatodiniz.com faz o seguinte esclarecimento:
O homem que foi preso pelo porte e transporte de 50 kg de explosivos, cordões para detonação e espoletas foi identificado como "Djair".
O policial nada tem a ver com essa situação.
O policial reformado "Netão" se dirigiu a Pocinhos e num determinado trecho da estrada o carro dele, um Fiat Ideia, apresentou um problema mecânico e ele acompanhado de um amigo ficou esperando o socorro.
Neste intervalo o homem com os explosivos num Fiat Uno, com placas de Queimadas, se dirigindo do sertão para Campina Grande, furou uma barreira da PRF no Posto da Farinha/BR230 e depois de furar o bloqueio tomou rumo justamente para o trecho onde  estava o PM com o veículo quebrado.
No local o homem foi preso.
O policial reformado também foi preso e disse que estava aramado.
No carro dele nada foi encontrado.
Na 12ªDSPC em Esperança o homem que transportava os explosivos afirmou que não conhecia o policial e que o material apreendido seria entregue a um casal.
Na delegacia também ficou esclarecido que o policial reformado nada tinha a ver com a situação
Por ter quebrado o benefício da prisão domiciliar, ele permanece detido no Quartel do 2ºBPM
Quanto ao caso dos explosivos, a PF e PC devem “trabalhar” juntas para 

Nenhum comentário:

Postar um comentário