terça-feira, 25 de abril de 2017

MORTE DE AGENTE DA LEI SECA: JUSTIÇA DETERMINA QUE ACUSADO PERMANEÇA PRESO

Foi mantida, na tarde desta terça-feira (25/04), a prisão de Rodolpho Carlos, acusado de atropelar e matar o agente de trânsito Diogo Nascimento durante uma blitz da lei seca no Bairro Bessa, em João Pessoa.

A decisão de manutenção da prisão foi tomada pelo juiz titular do 1º Tribunal do Júri da Capital, Marcos William, durante audiência de custódia.
O juiz também decidiu que Rodolpho vai para o presídio PB-1, na Capital.
Rodolpho Carlos foi preso nessa segunda-feira (24), no prédio onde mora, em Manaíra, área nobre de João Pessoa e levado para a carceragem da Central de Polícia Civil, no Geisel, onde aguardou a audiência de custódia.
Diogo Nascimento foi atropelado na madrugada do dia 21 de janeiro quando trabalhava em uma operação da Lei Seca no Bessa, em João Pessoa. O acusado de atropelá-lo, Rodolpho Carlos, desobedeceu a ordem de parada e avançou um Porsche sobre o agente. 
A vítima chegou a ser socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, mas morreu no dia seguinte.
(Por Portal Correio)

Um comentário: