sexta-feira, 5 de maio de 2017

POLÍCIA APREENDE ADOLESCENTE, NUMA MOTO, NA BR LEVANDO DOIS IRMÃOS PARA A ESCOLA. ENTENDA

Policiais rodoviários surpreenderam um adolescente conduzindo uma “cinquentinha”, na BR 230, em Campina Grande, levando duas crianças na garupa.
Nenhum deles usava capacetes.
O adolescente disse aos agentes que estava levando os irmãos para a escola, localizada na comunidade Lagoa de Dentro.
O pai foi identificado e detido pela PRF.
Os policiais rodoviários federais faziam o trabalho de ronda quando se depararam com os três na cinquentinha.
Ele disse ainda que o pai deles havia liberado o veículo para este fim.
O homem, de 46 anos, foi localizado, detido e autuado pelo crime de trânsito.
No caso, entregar um veículo a uma pessoa não habilitada.
A pena para este crime é de seis meses a um ano de detenção.
O valor da multa para esta infração é de R$ 880,41.
PRF PRENDE FORAGIDO
Ainda à tarde, esta mesma equipe prendeu um foragido da Justiça durante uma abordagem de rotina.
O preso, de 25 anos, dirigia um Ford Ka na BR 230, em Campina Grande, e foi parado porque não usava os faróis baixos acesos durante o dia, atitude obrigatória do motorista.
Foi por conta desta displicência do condutor que os agentes da PRF descobriram que havia um mandado de prisão pelo crime de assalto a mão armada, expedido pela 5ª Vara Criminal da Comarca de Campina Grande.
(Assessoria PRF)

2 comentários:

  1. No caso do adolescente levando os irmãos pra escola na cinquentinha... Poxa, com todo o respeito a PRF, só que faltou um bom senso, logicamente que tá errado liberar um transporte a um n habilitado... Mas, deter o pai por tal astúcia e só sair após pagar multa... Poxa, o cara devidamente é assalariado e o fim desse devido crime de transito que é descriminado, os meninos estavam indo pra escola!!!
    O fato é... Fizeram isso com os meninos da moto e com o pai, pq são pobres, se n fossem, n teriam feito isso!!!
    A historia seria outra... E melhor falando, nem teria saído no blog...

    ResponderExcluir
  2. Se estivessem praticando assaltos na "cinquentinha", seriam autuados como menor infrator e nada aconteceria com os meliantes.

    ResponderExcluir