sexta-feira, 25 de maio de 2018

PARALISAÇÃO DOS CAMINHONEIROS GANHA A SOLIDARIEDADE E APOIO DO POVO CAMPINENSE


A paralisação dos caminhoneiros dificilmente será superada por outra mobilização neste país.
Desprovidos de legendas partidárias ou ramificações sindicais, os protestantes conseguiram a esmagadora simpatia do povo brasileiro e estão dando uma lição de patriotismo, coragem e união.

Em Campina Grande, por exemplo, a solidariedade é tanta que aumentou consideravelmente o número de voluntários que arregaçou as mangas para doar água, alimentos, entre outros.
O vereador campinense Sargento Neto foi um deles.
Neto esteve visitando alguns pontos de nas rodovias  federais onde os caminhoneiros estão realizando bloqueios para protestar contra os aumentos abusivos do preço do diesel (do combustível de um modo em geral) e ficou impressionado com o que viu.

"São trabalhadores que não aguentam mais os tributos impostos pelo governo. O governo não tem respeitado quem 'leva este país nas costas'. É impressionante a mobilização de forma organizada, ordeira e responsável. São pais de famílias que estão longe de suas casas, mas lutando por algo que certamente vai aliviar essa profissão tão importante para o progresso do nosso país", disse Neto ao www.renatodiniz.com.
Sargento Neto, de maneira voluntária, distribuiu sopa com os caminhoneiros.
"Faço isso com muito carinho e prazer. Meu objetivo é demonstrar apoio, e solidariedade. Espero que esta situação seja resolvida o mais rápido possível, mas essa categoria não pode ser ignorada, enganada e desrespeitada. A luta deles é a luta por condições de trabalho. O goverbo tem sufocado esta categoria. É a luta do trabalhador brasileiro. De gente que acorda cedo para impulsionar o progresso desse país e não deixar faltar alimento, medicamentos e outros itens importantes para a nossa nação".

Nenhum comentário:

Postar um comentário