Menu

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

ASSASSINATO EM SÃO JOSÉ DA MATA: HOMEM É ACUSADO DE VINGAR MORTE DE CUNHADO, MAS ACABA MATANDO UM INOCENTE, DIZ POLÍCIA

 
O agricultor José Rubens Ferreira, foi preso em flagrante por policiais da Delegacia de Homicídios em Campina Grande, suspeito de assassinar com vários tiros revólver o lavador de carros Daniel Victor dos Santos, que tinha 36 anos.
O adolescente “A.V.S.”, que tem 16, foi atingido com disparos e está internado no Hospital de Trauma,
O crime aconteceu na manhã do sábado (30/08), às 11h30, em uma casa na Rua José Miguel Leão em São José da Mata.
José Rubens negou o crime, mas foi reconhecido por testemunhas e pelo adolescente que sobreviveu.
(delegado Antônio Lopes)
Uma dessas testemunhas reconheceu José Rubens na Central de Polícia.
O acusado é cunhado do trabalhador Francisco de Lima Pereira, 40 anos, encontrado morto a pauladas em uma estrada do sítio “Maracajá”, na manhã do mesmo sábado.
O trabalhador teve a moto e o salário roubados.
Disse o delegado Antônio Lopes sobre esse episódio em São José da Mata.
“Testemunhas disseram que José Rubens e outro homem chegaram pedindo água na casa onde estavam Daniel, o menor e uma jovem. Quando a jovem foi buscar a água a casa foi invadida e os acusados insistiram sobre uma moto roubada. No entanto, o adulto que morreu e o adolescente nada têm haver com o latrocínio de Francisco.”
Completou Antônio Lopes: “Estamos investigando essas mortes. Não trabalhamos de maneira precipitada. O Daniel não tinha passagens pela polícia”.

ASSASSINO DE POLICIAL MILITAR É CAPTURADO EM CAMPINA; ELE ERA FORAGIDO DO SERROTÃO E JÁ TENTOU MATAR A MULHER DELE

 
Policiais do Serviço de Inteligência do 2ºBPM capturaram na madrugada desta segunda-feira (01/09), o fugitivo da Penitenciária Regional do Serrotão, Alexandro Monteiro da Silva, de 31 anos.
Ele é acusado e assassinar o policial militar Glauco Barros dos Santos em uma farmácia na Rua Jamila Abraão Jorge, nas Malvinas, em 2000.
O policial foi surpreendido pelo assaltante e mais dois comparsas que já morreram.
Todos chegaram a ser presos.
Em 2002 Alexandro, conhecido como “nega preta”, fugiu da penitenciária por um túnel na companhia de vinte apenados.
Desde então ele se escondia em Natal/RN e vez por outra “visitava” Campina Grande.
Em fevereiro deste ano, numa destas visitas, ele tentou matar com um tiro, a própria companheira.

Desde então o Serviço de Inteligência passou a investigar os passos do fujão.
Nesta madrugada ele foi capturado em uma casa numa invasão localizada no Bairro santo Antônio.
O CRIME
O policial estava na farmácia e os três assaltantes desceram de um ônibus.
Alexandro “nega preta” se aproximou por trás e atirou no ouvido do soldado que morreu no local.
Em seguida o acusado roubou a arma dele.
O PM estava fardado, pois havia pouco tempo que tinha saído do serviço.
latrocínio aconteceu às 20h30 do dia 1º de fevereiro de 2000.

COLISÃO ENTRE MOTOS: UM MORTO E DOIS FERIDOS

(Motocicleta da vítima fatal)
Por volta das 16h00 deste domingo (31/08) o agricultor José Everaldo de Lima, 48 anos, morreu vítima de acidente de moto.
Ele estava no veículo na saída de Montadas para o município de Areial.
Informações de moradores dão conta de que o agricultor trafegava pela rodovia, sem capacete, e o boné que ele usava caiu.
(Veículo das vítimas que ficaram feridas)
Everaldo teria realizado uma manobra para pegar o boné e outra  moto com duas pessoas colidiu fortemente.
“Dedé”, como era conhecido, que morava no sítio Areial (em Areal no Agreste), morreu na hora.
Os ocupantes do outro veículo foram socorridos para um hospital em Esperança.
(Fotos: Ricardo Júnior)

POLÍCIA CIVIL PARAIBANA PRENDE NO RIO DE JANEIRO CABELEIREIRO ACUSADO DE MATAR MOTOTAXISTA

Policiais civis da Paraíba prenderam, após uma investigação criteriosa, o cabeleireiro Idimael da Silva, de 28 anos.
Ele é acusado de matar, por estrangulamento e asfixia, o mototaxista Antônio Severino da Silva.
O crime ocorreu abril deste ano em Queimadas, na Grande Campina.
Idimael foi preso em Jacarepaguá, na cidade do Rio de Janeiro, na quinta-feira (28/08).
Neste final de semana ele “voltou” à Paraíba na companhia dos policiais.
O delegado Heriberto Paulino e seus agentes tinham recebido informações de que o acusado estava fora da Paraíba.
Um adolescente de 17 anos, que participou do crime, já havia sido apreendido meses atrás.
Ele passou alguns dias detido e DEPOIS FOI LIBERADO.
ENTENDA O CASO
O mototaxista foi atraído até a casa do cabeleireiro onde ocorreu o crime na noite de 17 de abril.
Ele sofreu um golpe conhecido como “mata leão” aplicado por Idimael e adolescente cuidou de asfixiá-lo com um pano.
Para se livrar da prova do crime, os acusados transportaram o corpo de “Toninho”, (na própria moto da vítima) para o um matagal por trás de um hospital.
O corpo foi encontrado às 07h00 da sexta-feira (18).
O local fica na estrada de acesso ao sítio “Pedra do Sino”.
Antônio Severino da Silva tinha 30 anos e morava do Bairro do Castanho.
O crime foi de latrocínio, pois a moto dele desapareceu.
Fotos no aeroporto: PC/PB.
Foto local do crime: Ayrlla Crhistti Souza

domingo, 31 de agosto de 2014

DOIS ASSASSINATOS EM CAMPINA GRANDE, NO MESMO BAIRRO, EM MENOS DE 30 MINUTOS

 
Dois homicídios foram registrados na tarde deste domingo (31/08).
Os crimes aconteceram no Bairro das Cidades, em Campina Grande.
Às 14h30, próximo ao Conjunto Major Veneziano, Henrique Sátiro Ferreira, 16 anos, foi morto com três tiros de revólver no tórax.
O crime, de acordo com informações obtidas pela polícia militar, foi praticado por um homem que estava numa motocicleta de cor preta e usava camiseta de cor branca.
O assassino fugiu para o Bairro Catingueira.
Às 15h00 mais um homicídio.
Wellington Soares de Souza, de 23 anos, foi morto com cinco tiros (quatro no tórax e um no braço).
O jovem estava em um carro quando foi atingido pelos disparos.
Ele perdeu o controle do veículo e colidiu com uma casa.

TENTATIVA DE HOMICÍDIO EM CAMPINA GRANDE: DOIS HOMENS SÃO BALEADOS

Às 16h20 deste domingo (31/08), dois homens foram baleados no Velame, em Campina Grande.
Alex Batista da Costa foi atingido com um tiro de revólver na tíbia e Aderbal Porfírio dos Santos, 27 anos, foi atingido com um disparo em uma das mãos e outro no peito.
Na Rua José Amilton Alves, onde ocorreu a tentativa do duplo homicídio, moradores não souberam informar os motivos e as circunstâncias do crime.
As duas vítimas foram socorridas pelo SAMU para o Hospital de Trauma.

CAI O NÚMERO DE HOMICÍDIOS EM CAMPINA: ESTE ANO 100 HOMICÍDIOS; NO ANO PASSADO, NO MESMO PERÍODO, FORAM 130 MORTES VIOLENTAS

 
Este ano Campina Grande registrou 100 homicídios (CVLI-Crimes Violentos Letais Intencionais).
No mesmo período do ano passado, o número de mortes assustava: o município já havia registrado 130 assassinatos.
A redução está ligada a ação preventiva da polícia militar e da polícia civil.
Isto é incontestável.
Semanalmente os militares do 2ºBPM chegam a retirar das ruas cinco armas de fogo ou mais.
Mesmo “enxugando gelo” todos os dias, é preciso reconhecer que a maioria dessas armas estava nas mãos de assaltantes reincidentes.
Gente pronta para matar.
Este ano:
Janeiro, 17 mortes; fevereiro, 17; março, 15; abril, 09; maio, 09; junho, 08; julho, 10; e agosto 15 homicídios. (em agosto do ano passado foram 17).
Em 2013, segundo dados oficiais da polícia militar, 184 pessoas foram vítimas de Crimes Violentos Letais Intencionais.
Quem quiser contestar pode ficar a vontade, mas estou me baseando em dados oficiais.