Menu

quarta-feira, 27 de julho de 2016

INCORRIGÍVEL: HOMEM É PRESO PELA SEGUNDA VEZ NO ANO ACUSADO DE ABUSAR DE CRIANÇAS EM CAMPINA GRANDE

Em janeiro deste ano Francisco A.S., de 50 anos, foi preso pela guarnição do sargento Albeni no Bairro Presidente Médici, em Campina Grande, acusado de abusar de uma criança de oito anos.

Na época o relatório da PM informou que o homem foi consertar um “tanquinho” na residência de uma mulher, na Rua Eurico Gaspar Dutra, no Médici, em Campina Grande, e praticou carícias na menina.
A mãe dela disse que o acusado passou aproximadamente três horas na casa e em dado momento entrou no quarto onde a criança assistia TV e acariciou as partes íntimas dela.
A menina saiu correndo e contou à mãe.
O caso aconteceu numa quarta-feira, 27 de janeiro.
Seis meses depois, nesta quarta-feira, 27 de julho, o mesmo homem foi preso nas Malvinas, pela guarnição do cabo Lúcio, acariciando uma criança de seis anos de idade.
Consta que ele consertava uma máquina de lavar e aproveitou que a criança brincava na residência e acariciou as partes íntimas dela.

5 comentários:

  1. Sim e isso vai ficando por isso mesmo ate que aconteça o pior enquanto isso vão prendendo e soltando, revoltante.

    ResponderExcluir
  2. Um cara com um perfil desses, JAMAAAAIS,sob hipótese alguma poderia estar em liberdade. Imundo. Não sei porque há brecha na justiça pra acobertar um safado desses. Realmente revoltante.

    ResponderExcluir
  3. E aí???? Vão dizer que a culpa é da polícia também? Claro que se ele sabe a polícia prende e as míseras leis do nosso país coloca ele em liberdade, claro que vai voltar a fazer. Em um país de moral e vergonha, era prisão perpétua logo de primeira.

    ResponderExcluir
  4. E aí???? Vão dizer que a culpa é da polícia também? Claro que se ele sabe a polícia prende e as míseras leis do nosso país coloca ele em liberdade, claro que vai voltar a fazer. Em um país de moral e vergonha, era prisão perpétua logo de primeira.

    ResponderExcluir