Menu

domingo, 31 de julho de 2016

PLANO B – CADÊ A ÁGUA PARA CAMPINA GRANDE?

Por Antônio Pereira*
A máquina de prestação de serviço público tem que estar preparada para tudo.
Parece-me que este é o caso da CAGEPA nesta tempestade de dificuldades e, neste cenário de informação e gestão na distribuição da água.

Por isso, quanto à tecnologia interna, parabéns!
Mas, como eu sou um cidadão comum, que não entendo tecnicamente nada sobre água; seus ciclos, sua captação, seus reservatórios, tratamentos, distribuição, preservação do ambiente, custos, etc...
Como consumidor universal, faço a pergunta: Vamos ter água para consumir, em Campina Grande e região, até a chegada da transposição do São Francisco?
Detalhando: A água que tem em Boqueirão dá para abastecer até quando? Em dezembro 2016? Em que mês chega água do velho Chico? Janeiro, fevereiro, março, abril de 2017?
A saída seria chover.
E se não chover? Se a água que tem não é suficiente e o rio São Francisco não completa a integração de bacias, antes de acabar com os 8% de água que resta no açude de Epitácio Pessoa, o quê será feito pelo governo para garantir as necessidades de água de toda essa população de 600 mil habitantes?
Tem plano ’B’?.
Em qualquer cenário de colapso vamos ter um custo financeiro muito elevado para resolver a grave questão de segurança hídrica. Melhor mesmo, mais barato, é ter a execução de um plano ‘B’.
Já!
Agora!
Falo como consumidor que já vivi outras secas, carreguei água prá nossa casa e, sei o que significa ficar um dia sem água.
Se numa casa é um desespero, imagina em mais de 200.000 casas. De caos eu não falo, nunca vivi e, nesta reflexão, minha preocupação em não vivê-lo. Só em pensar que poderia sair de Campina Grande com a família, cria um alerta desagradável.
Nosso governador já disse que não tem plano ‘B’, nem recurso financeiro para isso.
Por outro lado, a nossa tradição manda que a gente confie em Deus que é Santo Forte.
Vamos aguardar o milagre acontecer, porque é só nisso em que podemos acreditar diante as estatísticas do dia a dia que nos oferecem os meios de comunicação.
Mas, tem outras coisas que a gente acredita: Prevenção.
Nessa Paraíba tem de tudo: cientistas, doutores, técnicos, órgãos de governo, bancos de fomento.
Tem autoridade pra tudo que é de lugar: vereadores, prefeitos, Deputados Federais, (com ligação com Campina, logo seis) Senadores, (de Campina, logo dois), Deputados Estaduais, (de Campina, uns 10) uma Vice-Governadora e, um Governador que reconhece a importância da cidade.
Não é verdade?
Se eu fosse o Governador, sairia na frente e faria um trabalho determinante em termos de recursos hídricos; planejar e executar o plano ‘B’, antes do final de Dezembro, para Campina Grande e demais cidades da Paraíba.
Não é possível que esse povo todinho vá deixar a gente morrer de sede em Campina Grande .
Vai?
 Eis a questão.
*Antônio Pereira é agente fiscal do estado e ex-vereador campinense 

14 comentários:

  1. Concordo em números generis e grau com tudo q disse.parabens

    ResponderExcluir
  2. Visitas a boqueirão e reuniões não resolve nada nao,n os queremos é água!

    ResponderExcluir
  3. Visitas a boqueirão e reuniões não resolve nada nao,n os queremos é água!

    ResponderExcluir
  4. Concordo em números generis e grau com tudo q disse.parabens

    ResponderExcluir
  5. Viva ao são João agora querem pensar em água.....

    ResponderExcluir
  6. UMA CIDADE QUE FESTEJA 30 NOITES DE SÃO JOÃO EM PLENA CRISE HÍDRICA E FINANCEIRA E NEM SE DÁ CONTA DA CALAMIDADE QUE PODE ACONTECER,UMA POPULAÇÃO QUE NÃO TÁ NEM AÍ PRA BOQUEIRÃO,NÃO TÊM NEM NOÇÃO DO QUE PODE ACONTECER,INFELIZMENTE SÃO POUCOS QUE SE PREOCUPAM...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Souberam arrumar solução pra o local da festa , cavando poços. Porque não pensam em algo pra resolver o problema da cidade também? Fui totalmente contra a realização desde evento diante a crise atual por mais que aleguem que traz lucro a cidade de nada adianta o lucro de não é bem investido para o bem do povo

      Excluir
  7. Esses políticos querem que a água falte mesmo só assim eles ganham o dinheiro das obras emergências muitos ganham com as verbas de carros pipa; as eleições vão chegar tem que tirar essa cambada de sangue suga.

    ResponderExcluir
  8. E o ex vereador, o que fez no que tange ao problema hídrico? O que o partido dele fez pela transposição do São Francisco? Demagogia...

    ResponderExcluir
  9. Para os políticos daqui água não falta e não faltará

    ResponderExcluir
  10. Para os políticos daqui água não falta e não faltará

    ResponderExcluir
  11. Porque água vên de João pessoa pra campina tubulação Ricardo não quê

    ResponderExcluir
  12. Porque água vên de João pessoa pra campina tubulação Ricardo não quê

    ResponderExcluir