Menu

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

CINCO PESSOAS MORREM EM TRÊS ACIDENTES NA BR 230

Uma jovem com oito meses de gravidez que morava no sítio “Fortuna”, em Juazeirinho, Cariri, morreu juntamente com o seu bebê nesta sexta-feira (19/08), ao sofrer um acidente de motocicleta na BR 230.

Ela conduzia uma motocicleta em direção à cidade justamente para fazer o pré-natal, e levava uma irmã na garupa, quando nas proximidades da "Curva de Nino", na “Ilha Grande”, colidiu com um carro.
A irmã dela também ficou ferida e foi socorrida pelo SAMU para o Trauma de Campina Grande.
O motorista que provocou o acidente fugiu sem prestar depoimento e até o momento não foi identificado.
(Redação com helenolima.com)
EM POCINHOS
Pelo menos duas pessoas morreram e outras duas ficaram feridas  em um acidente envolvendo uma carreta e três carros de passeio na BR-230, no município de Pocinhos, no Cariri paraibano.
A colisão aconteceu por volta das 10h00 desta quinta-feira (18), próximo à Praça do Meio do Mundo, que dá acesso da BR-230 para a BR-412.
Um motorista e um ocupante de um dos veículos envolvidos no acidente morreram.
Segundo o relato de testemunhas, o acidente ocorreu depois que o motorista de um dos carros tentou ultrapassar uma carreta e desistiu ao ver um ônibus e um caminhão trafegando no sentido oposto.
Ao tentar reduzir a velocidade para retornar à faixa, o carro teria batido na lateral da carreta, que tombou.
Ainda segundo testemunhas, os motoristas do ônibus e do caminhão, que trafegavam no sentido oposto, conseguiram livrar a carreta indo para o acostamento.
Mas outros dois carros que estavam atrás do ônibus e do caminhão acabaram batendo na carreta tombada na pista.
A carreta estava carregada com minério e bloqueou uma das faixas da rodovia.
Depois da colisão, os dois veículos de passeio que bateram na carreta foram arremessados para fora da pista.
Os motoristas da carreta e do carro que teria tentado fazer a ultrapassagem não tiveram ferimentos.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), duas vítimas sobreviventes que tiveram ferimentos foram encaminhadas para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, no Agreste paraibano.
Mesmo com o envolvimento de quatro veículos, o trânsito no local não foi bloqueado, mas até 15h00 desta quinta-feira continuava sendo orientado pela PRF.
O caso está sendo investigado pela Polícia Civil da cidade de Pocinhos. Segundo o delegado Durval Barros, dois dos motoristas vão ser ouvidos e liberados.
“Um dos motoristas morreu. Nesta quinta-feira vamos ouvir o motorista de um dos carros e o da carreta. O inquérito deve ser concluído no prazo de 30 dias. Depois que a PRF divulgar o resultado do laudo técnico vamos avaliar o que será feito. Ainda não é possível indicar quem teria provocado o acidente”, explicou o delegado.
ACIDENTE NO CAJÁ
Uma criança de nove anos morreu atropelada no km 81 da BR-230, no distrito do Cajá, em Caldas Brandão, no Agreste paraibano, no início da noite da quinta-feira.
Segundo as informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o menino foi atingido por uma motocicleta.
Moradores fizeram um protesto na rodovia pedindo mais redutores de velocidade.
Ainda de acordo com a PRF, os moradores contaram que viram o acidente e tentaram socorrer a criança, mas ela morreu quando um homem tentava o levar para um carro.
O motociclista fugiu do local sem prestar socorro e até o início da manhã desta sexta-feira (19) não havia sido localizado.
Após a morte, os moradores do distrito interditaram a rodovia no sentido Campina Grande/João Pessoa, queimando plantas, carcaças de veículos e pneus.
A via só foi liberada depois da chegada da imprensa.

A PRF informou que vai estudar a implantação de mais redutores de velocidade no local.
(G1 PB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário