Menu

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

UMA HISTÓRIA DE TERROR SEM FIM, DE MEDO, DE PROVOCAÇÃO E IMPUNIDADE: LADRÕES VOLTAM A INFERNIZAR VIDA DE MORADORES QUE TIVERAM CASA INVADIDA 15 VEZES

A casa do ex-vice-prefeito de Montadas, Luís Gonzaga de Araújo Simplício, até o dia 04 de setembro tinha sido invadida quinze vezes, ao longo dos últimos cinco anos.

Além de Luís, moravam na residência, no sítio “Manguape”, a cunhada dele, Dona Creuza e o irmão dele, Heleno Simplício.
Todos têm mais de 70 anos de idade.
Durante as ações os ladrões roubaram um total de “150 mil reais” em dinheiro, espancaram os moradores, quebraram portas, móveis e janelas.
Cansados de tanta covardia, impunidade e desprezo, o casal deixou a residência no sítio e só Luís Gonzaga ficou na antiga moradia.
Heleno Simplício e a mulher foram morar noutro num local “mais tranquilo”.
Na noite desta quarta-feira (12/10), os mesmos bandidos de sempre voltaram a plantar o terror a mesma família.
Como os ladrões já sabiam que o casal Heleno e Creusa não estava na residência antiga, foram numa casa onde moram parentes.
Lá, os quatro assaltantes invadiram o local e foram logo perguntando “onde estava o casal de velhos” e querendo saber “quem tinha mandado tirar o casal de velhos da casa velha”.
Insatisfeitos, os bandidos obrigaram um rapaz a acordar a mulher e filhos.
Com armas apontadas, os moradores seguiram para outro sítio.
Chegando noutra residência, os bandidos encontraram o ex-vice-prefeito (Luís Gonzaga) de quem roubaram “5.000,00 reais”, duas espingardas calibres “12” e uma pistola “380”.
O rapaz que foi obrigado a levar os bandidos até a outra casa foi bastante agredido.
Os assaltantes ainda atiraram em Luís Gonzaga, porém o revólver travou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário