domingo, 22 de janeiro de 2017

MORRE AGENTE DE TRÂNSITO QUE FOI ATROPELADO DURANTE BLITZ NA CAPITAL

O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, confirmou no início da noite deste domingo (22/01) a morte do servidor do Detran, Diogo Nascimento de Souza, vítima de atropelamento na madrugada do sábado (21) em uma das ruas do Bairro Bessa, na capital.

Diogo Nascimento comandava uma blitz da Operação Lei Seca na Avenida Governador Argemiro de Figueiredo no momento do acidente.
Ele foi atingido por um Porsche que trafegava em alta velocidade.
O condutor não prestou socorro.
NOTA DO HOSPITAL
O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, informa que o paciente Diogo Nascimento de Souza, vítima de atropelamento, veio a óbito às 18 horas deste domingo (22/01).
No início da noite, foram realizados novos exames, que mostraram não mais haver fluxo cerebral, confirmando-se, portanto, o óbito do paciente.
O hospital informa também que comunicou aos familiares no início da noite e vem prestando assistência aos mesmos.
Sabrina Bernardes
Diretora Geral Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena
JUÍZA X DESEMBARGADOR
No sábado a juíza Andréa Arcoverde decretou o mandado de Prisão Temporária para autor de atropelamento, Rodolfo Carlos, mas na madrugada deste domingo (22), por volta das 03h00, o desembargador Joás de Brito Pereira Filho, concedeu um salvo-conduto.

8 comentários:

  1. não tenho palavras para comentar o que esse desembargador Fez.

    ResponderExcluir
  2. Justiça safada . Se fosse um pobre era condenado a pena de morte mesmo s em prática no Brasil .Agora o elemento é rico tá solto . Bolsonaro salve o Brasil .......

    ResponderExcluir
  3. Lamentável, em todos os aspectos.🙏

    ResponderExcluir
  4. O menino Rodolfo Vai fazer uns serviços comunitários ----- e no meio tempo, está livre para RAPARIGAR e dirigir bêbado e drogado na Night de JP -------- Lamentável !

    ResponderExcluir
  5. LIXO DÊ DESEMBARGADOR UMA VERGONHA PRA PB TER UM CARA INJUSTO É VENDIDO DESSES NÓ PODER...Ó QUÊ É DESSE MAURICINHO OBESO É IDIOTA TÁ GUARDADO Ó CASTIGO DÊ DEUS TARDA MÁS NÃO FALHA!

    ResponderExcluir
  6. Só Pq o cara era agente de trânsito tá esse barulho todo quantos já morreram vítimas dos mesmos delinquentes no volante é uma pena que a mídia e a justiça só veja o que aconteceu com o agente olhem mais em baixo vão vê que tem muitos anônimos que perdem a vida assim e nada se faz

    ResponderExcluir
  7. E esses caras di detran bando de preguiçosos deveriam fazer paralisação fora do horário do trabalho.

    ResponderExcluir